Arlindo Neto

músico brasileiro

Arlindo Domingos da Cruz Neto, ou apenas Arlindo Neto (também conhecido como Arlindinho) (Rio de Janeiro, 24 de novembro de 1991) é um cantor, compositor e instrumentista (percussionista) brasileiro[2].

Arlindinho Cruz
Informação geral
Nome completo Arlindo Domingos da Cruz Neto
Também conhecido(a) como Arlindinho[1]
Nascimento 24 de novembro de 1991 (32 anos)
Local de nascimento Rio de Janeiro (RJ)
 Brasil
Origem Rio de Janeiro
Nacionalidade  Brasileiro
Gênero(s) Samba
Ocupação(ões) Cantor, compositor e instrumentista
Instrumento(s) Cavaquinho e Banjo
Período em atividade 2009–atualmente
Gravadora(s) Sony Music (2014–atualmente)
Afiliação(ões) Bambas de Berço (2009–2010)
Página oficial www.arlindinho.com.br

Carreira editar

Aos oito anos de idade, já tocava percussão. Aos onze, desfilou pela primeira vez na escola de samba mirim Império do Futuro.

Aos 13 anos de idade, compôs seu primeiro samba-enredo para a escola mirim Estrelinha da Mocidade, onde foi intérprete e campeão.

A partir de 2009, integrou o grupo Bambas de Berço, com o qual lançou CD homônimo no ano seguinte.

Em 2010, consagrou-se o compositor mais jovem de samba-enredo na escola de samba carioca União da Ilha do Governador. No ano seguinte, foi bicampeão pela mesma agremiação.

Em 2012, compôs o samba-enredo Dona Ivone Lara: O enredo do meu samba, em homenagem a Dona Ivone Lara, pela escola de samba Império Serrano.

Em 2013, compôs, em parceria com Péricles e Jorge Aragão, o samba-enredo da escola de samba Acadêmicos do Grande Rio.

Foi campeão por cinco anos consecutivos com sambas-enredo de sua autoria em diferentes agremiações.

Em 2014, lançou, pelo selo Sony Music, o CD Arlindo Neto: Um bom aprendiz - ao vivo, com participações de Arlindo Cruz e Jorge Aragão.

Em 2016, compôs e interpretou o samba-enredo da escola de samba São Clemente, ao lado de Ito Melodia e outros nomes[3].

Obras editar

  • Bom aprendiz (com Arlindo Cruz)
  • Dom Quixote De La Mancha, O Cavaleiro dos Sonhos Impossíveis (com Grassano, Gabriel Fraga, Márcio André Filho, João Bosco, Gugu das Candongas, Marquinho do Banjo, Barbosão, Ito Melodia e Léo da Ilha)
  • Dona Ivone Lara: O enredo do meu samba (com Arlindo Cruz e Tico do Império)
  • É corpo, é alma, é religião (com Rogê e Arlindo Cruz)
  • Me beija (com Marquinhos Nunes e Renato Moraes)
  • Meu caminho (com Marquinhos Nunes e Jorge Davi Júnior)

Discografia editar

  • Bambas de Berço (com Bambas de Berço) – Independente – CD – 2010
  • Arlindo Neto: Um bom aprendiz - ao vivoSony Music – CD – 2014

Vida pessoal editar

Arlindo Neto é filho de Arlindo Cruz e da ex-porta-bandeira Babi Cruz[4]. É sobrinho de Andrezinho (Molejo)e também é sobrinho e afilhado do compositor Acyr Marques[4].

Premiações editar

  1. 2012 - Melhor samba-enredo do Grupo A (Império Serrano - "Dona Ivone Lara: O Enredo do Meu Samba") [5]
  • Estrela do Carnaval
  1. 2012 - Melhor samba-enredo do Grupo A (Império Serrano - "Dona Ivone Lara: O Enredo do Meu Samba") [6]
  2. 2022 - Melhor samba-enredo do Grupo Especial (Grande Rio - "Fala, Majeté! Sete Chaves de Exu") [7]
  • Gato de Prata
  1. 2012 - Melhor samba-enredo (Império Serrano - "Dona Ivone Lara: O Enredo do Meu Samba") [8]
  • Plumas & Paetês Cultural
  1. 2012 - Melhor samba-enredo (Império Serrano - "Dona Ivone Lara: O Enredo do Meu Samba") [9]
  2. 2014 - Melhor samba-enredo (Viradouro - "Sou a Terra de Ismael, 'Guanabaran' Eu Vou Cruzar... Pra Você Tiro o Chapéu, Rio Eu Vim Te Abraçar") [10]
  • Prêmio 100% Carnaval
  1. 2022 - Melhor samba-enredo RJ (Grande Rio - "Fala, Majeté! Sete Chaves de Exu") [11]
  • Prêmio Feras da Sapucaí
  1. 2022 - Melhor samba-enredo RJ (Grande Rio - "Fala, Majeté! Sete Chaves de Exu") [12]
  • Prêmio SRzd
  1. 2022 - Melhor samba-enredo (Grande Rio - "Fala, Majeté! Sete Chaves de Exu") [13]
  1. 2012 - Melhor samba-enredo (Império Serrano - "Dona Ivone Lara: O Enredo do Meu Samba") [14]
  • Troféu Jorge Lafond
  1. 2012 - Melhor samba-enredo (Império Serrano - "Dona Ivone Lara: O Enredo do Meu Samba") [15]
  • Troféu Sambario
  1. 2012 - Melhor samba-enredo (Império Serrano - "Dona Ivone Lara: O Enredo do Meu Samba") [16]
  • Troféu Explosão in Samba
  1. 2022 - Melhor samba-enredo RJ (Grande Rio - "Fala, Majeté! Sete Chaves de Exu") [17]

Referências

  1. TECIDIO, Luciana (22 de junho de 2016). «Arlindo Neto, agora Arlindinho, perde 60 quilos e pula para o manequim 42». Ego.com. Consultado em 27 de setembro de 2016 
  2. «Arlindo Neto». DicionárioMPB.com. Consultado em 27 de setembro de 2016 
  3. Redação Carnavalesco (21 de julho de 2015). «São Clemente 2016 - Parceria de Arlindo Neto». Carnavalesco.com. Consultado em 27 de setembro de 2016 
  4. a b «Arlindo Neto: Bom Aprendiz!». ViNoCoruja.com. Consultado em 27 de setembro de 2016. Arquivado do original em 1 de outubro de 2016 
  5. «Estandarte de Ouro 2012». Site do Jornal O Globo. Consultado em 26 de março de 2017. Cópia arquivada em 17 de outubro de 2016 
  6. «Estrela do Carnaval 2012». Site Carnavalesco. Consultado em 21 de janeiro de 2018. Cópia arquivada em 21 de janeiro de 2018 
  7. «É de Caxias! Grande Rio ganha o Estrela do Carnaval como Desfile do Ano do Grupo Especial». Site Carnavalesco. 26 de abril de 2022. Consultado em 27 de abril de 2022. Cópia arquivada em 28 de abril de 2022 
  8. Silva, Fábio (25 de julho de 2012). «Troféu Gato de Prata 2012». Galeria do Samba. Consultado em 22 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 15 de novembro de 2015 
  9. «Prêmio Plumas e Paetês 2012». Site Academia do Samba. Consultado em 21 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 4 de março de 2016 
  10. «Conheça os premiados do Prêmio Plumas & Paetês Cultural de 2014». SRzd. 10 de março de 2014. Consultado em 21 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 3 de março de 2016 
  11. «Prêmio 100% Carnaval 2022 – Grupo Especial». 100% Carnaval. Consultado em 25 de abril de 2023. Arquivado do original em 25 de abril de 2023 
  12. «Prêmio Feras da Sapucaí 2022». Revista Feras do Carnaval. Consultado em 6 de maio de 2022. Cópia arquivada em 6 de maio de 2022 
  13. «Prêmio SRzd Carnaval 2022: Veja os vencedores do Grupo Especial». SRzd.com. 24 de abril de 2022. Consultado em 27 de abril de 2022. Cópia arquivada em 28 de abril de 2022 
  14. «Prêmio S@mba-Net 2012». Site Sambanet. Consultado em 21 de setembro de 2017. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  15. «Troféu Jorge Lafond 2012». Site Academia do Samba. Consultado em 21 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 11 de julho de 2015 
  16. «Troféu Sambario 2012». Sambario. Consultado em 8 de setembro de 2021. Cópia arquivada em 18 de março de 2015 
  17. «Troféu Explosão in Samba 2022 – Grupo Especial». Revista Explosão in Samba. Consultado em 8 de abril de 2023. Arquivado do original em 8 de abril de 2023 

Ligações externas editar

  Este artigo sobre um músico é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.