Bispo-auxiliar

O Bispo Auxiliar é um bispo-titular da Igreja Católica, que tem a função de auxiliar o bispo diocesano.

O bispo-auxiliar, diferentemente do bispo-coadjutor, não tem direito a sucessão em caso de Sede Vacante. O bispo diocesano deve nomear o bispo-auxiliar como vigário-geral, ou pelo menos, vigário-episcopal.

Pertence ao Bispo Diocesano a indicação da terna, ou seja, do conjunto de três candidatos à nomeação para Bispo-Auxiliar, ao contrário do processo de nomeação dos Bispos Diocesanos e dos Bispos Coadjutores em que a indicação da terna compete ao Núncio Apostólico.

Ver tambémEditar

  Este artigo sobre catolicismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.