Bubblegum dance

Gênero musical
Bubblegum dance
Origens estilísticas Eurodance - Bubblegum pop - Pop - Happy hardcore - Dance music - Techno - Dance-pop - Europop
Contexto cultural Dinamarca, meados dos anos 90
Instrumentos típicos Teclado eletrônico - Sintetizador - Caixa de ritmos - Efeitos sonoros
Popularidade Alta: Dinamarca, Suécia, Austrália, Japão, Rússia e parte da Europa ocidental.
Fraca: América do Norte, América Latina, Uruguai, Brasil.
Formas derivadas Euro-trance - Teen pop

Bubblegum dance (também conhecido como Happy House, Euro Bubblegum ou simplesmente Bubblegum) é um subgênero musical do eurodance que ganhou alta popularidade no final dos anos 90 por conter letras alegres, bobas e infantis que tendem a divertir. Esse gênero é derivado do Eurodance e Bubblegum pop.[1]

O termo "bubblegum dance" é uma junção óbvia dos termos 'bubblegum' e euro'dance'. O gênero foi introduzido inicialmente ainda no início dos anos 90 e não tinha um termo definido, e algumas bandas que adicionava um som Pop nas músicas dance eram rotuladas como dance-pop genérico ou eurodance, o que tornava o gênero bastante difícil de encontrar.[2]

HistóriaEditar

O gênero nasceu na Dinamarca em meados dos anos 90 quando algumas bandas de eurodance acrecetavam um som Pop nas músicas e isso deixavam elas com um toque mais suaves e divertidas. A primeira banda de bubblegum dance original foi Me & My, cujo seu single de estréia de 1995 "Dub-i-Dub" causou um enorme sucesso na Escandinávia e no Japão, e tornou-se um hino e inspiração para produtores de dance e cantores de todo o mundo. No entanto, bubblegum dance não recebeu reconhecimento mundial até 1997, quando o Aqua lançou o hit "Barbie Girl" que liderou as paradas em todo o mundo e vendeu mais de 8 milhões de cópias. O sucesso do Aqua encorajou muitos outros artistas a escrever músicas no mesmo estilo e como resultado, a produção e a popularidade do bubblegum dance music disparou no final dos anos 90.[3]

No final de 1998, já se marcava o início da alta popularidade do Bubblegum dance, sendo a Escandinávia, particularmente na Dinamarca que marcou os altos índices de produção de Bubblegum. Inspirados no Aqua, muitas bandas e cantores solos da Dinamarca e de outras partes da Europa começaram fazer sucesso com seus hits, como por exemplo: Hit'n'Hide com "Space Invaders", Bambee com "Cowgirl", Toy Box com "Tarzan & Jane", Crispy com "Calendar Girl", Miss Papaya com "Operator", Lolly com "Dancing in the Rain", Jenny Rom com "Hanky Panky", Cartoons com "Witch Doctor", Yummie com "Bubblegum", Blue 4 U com "Happy World", Daze com "Superhero", Vengaboys com "Boom, Boom, Boom, Boom!!", Smile.dk com "Butterfly" e entre outros.[4]

A produção bubblegum marcou seu auge em 1999, quando bandas como Aqua, Me & My, Daze e Toy Box estavam recebendo reconhecimento mundial e sucesso modesto com seus sucessos de danças irônicas e infantis. Durante o início dos anos 2000, os produtores aproveitaram a oportunidade para produzir música de bubblegum dance para letras e melodias simples, combinadas com os avanços tecnológicos na produção de música eletrônica e relativamente simples (e barato). O gênero trazia mensagens de paz e letras bem positivas em um mundo que estava cada vez mais sombrio e se tornando mais sério. E nesse mesmo ano, grandes números de bandas se encerram.[5]

No ano de 2001, o número de produções de bubblegum dance começou a declinar, devido a popularidade cada vez menor do eurodance e uma audiência amadurecida em que o Pop e o House quando estava tomando conta da cena musical. Vários novos projetos criados em 2002, como o Blue Monster & Bikki, não causaram impacto nas paradas, desencorajando outros artistas a continuarem fazendo o gênero, e vários grupos que lançaram um álbum em 2001 e 2002 ficaram desapontados com a falta de sucesso, e como resultado, versões posteriores foram abandonadas (como Smile.dk com "Golden Sky", Bambee com "Fairytales", Toy Box com "Toy Ride").[6] E com baixa audiência do bubblegum dance, várias bandas mudaram seus estilos e também passaram a migrar para outros gêneros como House, Techno e Trance.

Letra e EstiloEditar

Tradicionalmente, a música de Bubblegum dance pode ser descrita como alegre, divertida, boba e infantil, com muitas pessoas levando à conclusão de que a música ou artista é voltada para crianças. No entanto, é comum que artistas desse gênero incorporem letras sexualmente sugestivas em algumas de suas músicas. Embora às vezes essas letras sugestivas possam ser muito óbvias, outras vezes podem passar despercebidas.[7]

Jogos MusicaisEditar

O gênero músical, ganhou muita popularidade no Japão no final da década de 90, devido ao reconhecimento em uso ao jogo de dança populares como "Dance Dance Revolution", "In The Groove" e na série Dancemania. Muitos artistas, como Smile.dk, Bambee, Ni-Ni, Rebecca e Miss Papaya, ganharam reconhecimento e fama através desses jogos. Além disso, o Anime tem grande sequência de Bubblegum dance, e muitos fãs optam por usar suas músicas com o estilo Bubblegum dance em seus vídeos musicais de anime feitos por fãs (AMVs).

CaracterísticasEditar

O Bubblegum dance é caracterizado pela mistura do Eurodance com o Bubblegum pop, Vocais femininos, refrões simples, raramente pode ser acompanhado com Rap com vocais masculinos, e uma Batida bem forte que varia na maior parte das vezes entre 130 e 145 BPM (batidas por minuto) com riffs feitos através de sintetizadores. O som do Bubblegum dance é bem positivo, ele é geralmente acompanhado de letras que envolvem temas como amorfesta e paz, e também pode abordar outros temas como: naturezapraias tropicaisfrutas, relacionamento amorosos, alienígenas, Vídeo game, bonecas, contos de fadasanimasdesenhos animados, animes e etc. O gênero é sempre dançante, e sempre demostrando grandes emoções.[8] Assim como o Eurodance, o Bubblegum também é de percussão e ritmo. As letras são cantadas em inglês quase sempre. Porém, muitos artistas lançam suas canções tanto em inglês como seu idioma nativo. Muitas bandas do Bubblegum dance passa uma imagem bem humoradas, como o Vengaboys e Hit'n'Hide.

Os anos em que o caracterizam o bubblegum são na verdade entre 1996 - 2001 (com retorno entre 2003 - 2008), com auge entre 1997- 2000. Bubblegum dance sinteticamente é: refrões melodiosos e acompanhado geralmente com o teclado eletrônico, na grande maioria de vezes o refrão é cantado por vozes femininas; sendo as estrofes e raramente são usados raps, em pequena das vezes cantadas por vozes masculinas, com poucas exceções de estrofes melódicas.

Artistas e bandas mais bem-sucedidosEditar

Referências

Ligações externasEditar