Cemitério da Ajuda

cemitério de Lisboa, Portugal
Cemitério da Ajuda
Cemitério da Ajuda, October 2012.jpg
País
Endereço
Estatuto patrimonial
Incluído em sítio classificado (d)Visualizar e editar dados no Wikidata
Find a Grave
Coordenadas

O Cemitério da Ajuda é um cemitério da freguesia da Ajuda, em Lisboa.

HistóriaEditar

Entre 1766 e 1787, Pina Manique, a mando da rainha D. Maria I, ergueu na Ajuda um cemitério que serviria os criados da Casa Real e os pobres das freguesias da Ajuda e Santa Maria de Belém. Em 1835 passa a ser propriedade pública através do decreto-lei de Rodrigo da Fonseca Magalhães, que obrigava a existência de cemitérios públicos ao invés do que acontecia anteriormente, visto que a população era sepultada nas igrejas. Em 1849 passa para tutela municipal, a mando da rainha D. Maria II, ficando circunscrito à população das freguesias da Ajuda, Santa Maria de Belém e por vezes a freguesia vizinhas. A entrada do cemitério está ornamentada com quatro esculturas dispostas em nichos que representam a Verdade e a Fortaleza ladeando o portão à direita e no lado oposto, a Justiça e a Esperança. No exterior da Capela, as figuras escultóricas simbolizam a Oração e a Fé, à esquerda e à direita, a Humildade e a Caridade.[1][2]

Ilustres sepultados no Cemitério da AjudaEditar

 
Arruamento do Cemitério da Ajuda, com jazigos particulares e ossários municipais.

ReferênciasEditar

  1. «Cemitério da Ajuda». Junta de Freguesia da Ajuda. Consultado em 30 de Janeiro de 2018 
  2. «Cemitério da Ajuda em Ajuda, Lisboa – Cemitério Find a Grave». pt.findagrave.com. Consultado em 16 de janeiro de 2021 
  3. «Cemitério da Ajuda». Sítio da Câmara Municipal de Lisboa. 2017. Consultado em 30 de Janeiro de 2018