Censo demográfico do Brasil de 2000

O censo demográfico do Brasil de 2000 foi a 11.ª operação censitária realizada em território brasileiro. Realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), teve o objetivo de retratar a população brasileira, suas características socioeconômicas e ao mesmo tempo, a base para todo o planejamento público e privado da década 1990 – 2000.

O censo foi realizado em todos os 5507 municípios do Brasil.[1]

Foram recenseados todos os moradores em domicílios particulares e coletivos e que se encontravam nele na data de referência que foi a noite de 31 de julho para 1 de agosto de 2000, além das pessoas que estavam ausentes de seu domicílio.[2]

Os primeiros resultados do Censo 2000 foram divulgados a partir de dezembro do mesmo ano.[1]

População recenseada por estadoEditar

 
Estados do Brasil por população.

O Censo demográfico de 2000 revelou que a maior parte da população brasileira ainda encontrava-se concentrada na Região Sudeste do país.

Fonte: IBGE[3]
Posição Unidade da Federação População (1991) População (2000) % Crescimento
  São Paulo 31 546 473 36 969 476   17,2
  Minas Gerais 15 731 961 17 866 402   13,6
  Rio de Janeiro 12 783 761 14 367 083   12,4
  Bahia 11 855 157 13 066 910   10,2
  Rio Grande do Sul 9 135 479 10 181 749   11,5
  Paraná 8 443 299 9 558 454   13,2
  Pernambuco 7 122 548 7 911 937   11,1
  Ceará 6 362 620 7 418 476   16,6
  Pará 5 181 570 6 189 550   19,5
10º   Maranhão 4 929 029 5 642 960   14,5
11º   Santa Catarina 4 538 248 5 349 580   17,9
12º   Goiás 4 012 562 4 996 439   24,5
13º   Paraíba 3 200 677 3 439 344   7,5
14º   Espírito Santo 2 598 505 3 094 390   19,1
15º   Piauí 2 581 215 2 841 202   10,1
16º   Alagoas 2 512 991 2 819 172   12,2
17º   Amazonas 2 102 901 2 813 085   33,8
18º   Rio Grande do Norte 2 414 121 2 771 538   14,8
19º   Mato Grosso 2 022 524 2 502 260   23,7
20º   Mato Grosso do Sul 1 778 741 2 074 877   16,6
21º   Distrito Federal 1 598 415 2 043 169   27,8
22º   Sergipe 1 491 867 1 781 714   19,4
23º   Rondônia 1 130 874 1 377 792   21,8
24º   Tocantins 920 116 1 155 913   25,6
25º   Acre 417 165 557 226   33,6
26º   Amapá 288 690 475 843   64,8
27º   Roraima 215 950 324 152   50,1

Por regiãoEditar

Fonte: IBGE[3]
Posição Unidade federativa População (1991) População (2000) % Crescimento
Região Sudeste 62 660 700 72 297 351   15,4
Região Nordeste 42 470 225 47 693 253   12,3
Região Sul 22 117 026 25 089 783   13,4
Região Norte 10 257 266 12 893 561   25,7
Região Centro-Oeste 9 412 242 11 616 745   23,4
TOTAL Brasil 146 917 459 169 590 693   15,4

Ver tambémEditar

Referências

  1. a b A Divulgação dos Resultados. IBGE, 2000. Diponível em <http://www.ibge.gov.br/censo/divulgacao.shtm> Visitado em 2 de novembro de 2011
  2. Quem foi recenseado?. IBGE, 2000. Disponível em <http://www.ibge.gov.br/censo/quemrecenseado.shtm> Acesso em Visitado em 2 de novembro de 2011
  3. a b «População nos Censos Demográficos, segundo as Grandes Regiões e as Unidades da Federação». IBGE. 2010. Consultado em 25 de maio de 2021 
  Este artigo sobre o Brasil é um esboço relacionado ao Projeto Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.