Chicoreus palmarosae

espécie de molusco

Chicoreus palmarosae (nomeada, em inglês, rose-branch Murex; na tradução para o português, "Murex ramo cor-de-rosa"[2]; também denominada leafy hornmouth ou foliated thorn purpura)[3] é uma espécie de molusco gastrópode marinho do gênero Chicoreus e pertencente à família Muricidae, na ordem Neogastropoda. Foi classificada por Jean-Baptiste de Lamarck como Murex palmarosae, em 1822, na obra Histoire naturelle des animaux sans vertèbres, présentant les caractères généraux et particuliers de ces animaux, leur distribution, leurs classes, leurs familles, leurs genres, et la citation des principales espèces qui s'y rapportent; précédée d'une introduction offrant la détermination des caractères essentiels de l'animal, sa distinction du végétal et des autres corps naturel; enfin, l'exposition des principes fondamentaux de la zoologie. Tome septième. 711 pp.[1] É nativa do Indo-Pacífico e do Pacífico ocidental, de Sri Lanka ao sudoeste do Japão e Filipinas.[3][4]

Como ler uma infocaixa de taxonomiaChicoreus palmarosae
Vista inferior da concha de C. palmarosae (Lamarck, 1822).
Vista inferior da concha de C. palmarosae (Lamarck, 1822).
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Mollusca
Classe: Gastropoda
Ordem: Caenogastropoda
clade Hypsogastropoda
clade Neogastropoda
Superfamília: Muricoidea
Família: Muricidae
Género: Chicoreus
Montfort, 1810[1]
Espécie: C. palmarosae
Nome binomial
Chicoreus palmarosae
(Lamarck, 1822)[1]
Distribuição geográfica
A região do Indo-Pacífico e do Pacífico ocidental (no mapa) é o habitat da espécie C. palmarosae, desde as costas da Sri Lanka ao sudoeste do Japão e Filipinas.[1]
A região do Indo-Pacífico e do Pacífico ocidental (no mapa) é o habitat da espécie C. palmarosae, desde as costas da Sri Lanka ao sudoeste do Japão e Filipinas.[1]
Sinónimos
Murex palmarosae Lamarck, 1822
Triplex rosaria Perry, 1811
Murex argyna Mörch, 1852
(WoRMS)[1]

Descrição da conchaEditar

Concha de 10[2] até 13 centímetros de comprimento, de coloração castanha, vermelha ou amarelada, cor-de-rosa a salmão, apresentando espiral moderadamente alta e canal sifonal destacado; com relevo de estrias espirais profundas, de coloração mais escurecida, sobre sua superfície, cruzadas por três espessamentos (varizes) por volta, onde se destacam projeções frondosas. Columela lisa e branca. Lábio externo circular e dotado de opérculo córneo de coloração castanha.[3][5][6]

Habitat, distribuição geográfica e usoEditar

Chicoreus palmarosae ocorre em águas de baixa profundidade da zona nerítica do Indo-Pacífico e do Pacífico ocidental, de Sri Lanka ao sudoeste do Japão e Filipinas.[3][4] É coletada para colecionismo, sendo uma das "mais belas de todas as conchas".[7] No Sri Lanka, traficantes sem escrúpulos melhoram a aparência dessas conchas, mergulhando-as em um corante rosa ou violeta.[8]

Ligações externasEditar

Referências

  1. a b c d e «Chicoreus palmarosae» (em inglês). World Register of Marine Species. 1 páginas. Consultado em 17 de fevereiro de 2020 
  2. a b ABBOTT, R. Tucker; DANCE, S. Peter (1982). Compendium of Seashells. A color Guide to More than 4.200 of the World's Marine Shells (em inglês). New York: E. P. Dutton. p. 136. 412 páginas. ISBN 0-525-93269-0 
  3. a b c d «Chicoreus (Triplex) palmarosae» (em inglês). Hardy's Internet Guide to Marine Gastropods. 1 páginas. Consultado em 17 de fevereiro de 2020. Arquivado do original em 11 de agosto de 2021 
  4. a b LINDNER, Gert (1983). Moluscos y Caracoles de los Mares del Mundo (em espanhol). Barcelona, Espanha: Omega. p. 168. 256 páginas. ISBN 84-282-0308-3 
  5. OLIVER, A. P. H.; NICHOLLS, James (1975). The Country Life Guide to Shells of the World (em inglês). England: The Hamlyn Publishing Group. p. 160. 320 páginas. ISBN 0-600-34397-9 
  6. Ottaviani, Marco (28 de dezembro de 2014). «Murex palmarosae» (em inglês). Flickr. 1 páginas. Consultado em 12 de junho de 2017 
  7. WYE, Kenneth R. (1989). The Mitchell Beazley Pocket Guide to Shells of the World (em inglês). London: Mitchell Beazley Publishers. p. 88. 192 páginas. ISBN 0-85533-738-9 
  8. DANCE, S. Peter (2002). Smithsonian Handbooks: Shells. The Photographic Recognition Guide to Seashells of the World (em inglês) 2ª ed. London, England: Dorling Kindersley. p. 108. 256 páginas. ISBN 0-7894-8987-2 
  Este artigo sobre gastrópodes, integrado no Projeto Invertebrados é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.