Abrir menu principal

Constantino III (imperador bizantino)

(Redirecionado de Constantino III (imperador))
Disambig grey.svg Nota: "Constantino III (imperador)" redireciona para este artigo. Para o imperador do ocidente de mesmo nome, veja Constantino III (imperador romano). Para outras pessoas, veja Constantino III.
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde Outubro de 2012). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Constantino III
Imperador dos Romanos
Solidus-Heraclius-sb0764.jpg
Soldo mostrando Heráclio e seus filhos Constantino III e Heraclonas
Reinado 641
Consorte Gregória
Antecessor(a) Heráclio
Sucessor(a) Constante II
Heraclonas
Dinastia Heracliana
Nome completo
Heráclio Constantino
Nascimento 3 de maio de 612
Morte 20 de abril ou 24/26 de maio de 641
Filho(s) Constante II
Teodósio
Pai Heráclio
Mãe Eudóxia

Heráclio Constantino ou Constantino III foi imperador bizantino por quatro meses em 641. Era o primogênito do imperador Heráclio com sua primeira mulher Eudóxia.

HistóriaEditar

Constantino foi batizado e coroado em 22 de janeiro de 613 e, em seguida, prometido em casamento a sua prima, Gregória, filha de Nicetas, primo de seu pai. Constantino e Gregória casaram-se em 629 ou 630; neste ano nasceu o primogênito, Constante (o futuro Constante II). Ao segundo filho deram o nome Teodósio.

Com a morte de seu pai em 641, Constantino tornou-se co-imperador com seu meio-irmão Heraclonas, filho de Heráclio com sua segunda mulher, Martina. O temor de uma conspiração de Martina e Heraclonas fez com que Constantino escrevesse ao exército e distribuísse mais de dois milhões de soldos entre os militares, com o objetivo de assegurar a sucessão para seus filhos. Constantino morreu de tuberculose apenas quatro meses depois, deixando Heraclonas como imperador único. Ele foi deposto em setembro de 641 pelo poderoso general Valentino, devido ao rumor de que Martina teria envenenado Constantino. Assumiu então o trono Constante II.

Precedido por
Heráclio
Imperador bizantino
641
Sucedido por
Heraclonas