Abrir menu principal

Conversão gênica enviesada é um conceito extraído de estudos moleculares recentes que sugerem um favorecimento das bases GC em detrimento das bases AT no processo de combinação gênica.[1][2]

Estudos comparativos da taxa de substituição de bases entre genes humanos e de chimpanzés demonstraram que nos humanos os éxons realacionados a uma taxa mais rápida de substituição tendem a ter um predomínio de alterações AT para GC.[3] Essa tendência implicaria na manutenção de determinadas mutações genéticas independentemente de serem deletérias ou não.[4][5]

Referências

  1. Biased gene conversion: implications for genome and sex evolution
  2. Scitable: Neutral Theory: The Null Hypothesis of Molecular Evolution
  3. PLoS Biology Hotspots of Biased Nucleotide Substitutions in Human Genes
  4. Genetics Surprising Fitness Consequences of GC-Biased Gene Conversion: I. Mutation Load and Inbreeding Depression
  5. Annual Review of Genomics and Human Genetics Biased Gene Conversion and the Evolution of Mammalian Genomic Landscapes

Ligações ExternasEditar