Abrir menu principal
Daiene Dias Swimming pictogram.svg
Swimming pictogram.svg Natação Swimming pictogram.svg
Nome completo Daiene Marçal Dias
Estilo 100 e 200m borboleta
Nascimento 16 de maio de 1989 (30 anos)
Vitória,  Espírito Santo
Nacionalidade brasileira
Compleição Peso: 51 kg Altura: 1,59m
Medalhas
Campeonatos Mundiais – Piscina Curta
Bronze Hangzhou 2018 100 m borboleta
Jogos Pan-Americanos
Bronze Rio de Janeiro 2007 200 m borboleta

Daiene Marçal Dias é uma nadadora brasileira.[1]

Índice

CarreiraEditar

Daiene começou a nadar como muitas crianças: por aconselhamento médico, aos seis anos. Ela tinha rinite e sinusite.[1]

Aos 18 anos, nos Jogos Pan-americanos de 2007, no Rio de Janeiro, ganhou a medalha de bronze nos 200 metros borboleta, batendo o recorde brasileiro da prova, com o tempo de 2m13s35.[2] Também ganhou o bronze nos 4x100m medley,[1] porém, esse resultado foi posteriormente cassado, devido ao doping de Rebeca Gusmão. Além disso, ficou em 4º lugar nos 100 metros borboleta.[3] Na semifinal dos 100 metros borboleta, bateu o recorde sul-americano da prova (que já era dela) com 1m00s48. [4]

Em 2007 ela fazia faculdade de Educação Física em um faculdade particular de Vitória, onde ganhava uma bolsa de estudos.[1]

Integrando a delegação nacional que disputou os Jogos Pan-Americanos de 2011, em Guadalajara, no México.[5] ficou em 10º lugar na eliminatória dos 100 metros borboleta, não indo à final. [6]

Se distanciou da natação, mas posteriormente, voltou.

No Campeonato Mundial de Natação em Piscina Curta de 2014 realizado em Doha, Qatar, Daiene foi à final dos 100m borboleta, terminando em 8º lugar.[7] Também ficou em 12º lugar nos 50m borboleta [8] e nadou a eliminatória do revezamento 4x50m medley feminino do Brasil, classificando-o para a final com o tempo de 1m47s20, recorde sul-americano.[9][10]

Nos Jogos Pan-Americanos de 2015, em Toronto, Canadá, ela terminou em 5º lugar nos 100m borboleta.[11]

No Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos de 2015, ela terminou em 9º no revezamento 4x100m medley misto, junto com Felipe Lima, Daynara de Paula e João de Lucca,[12][13] e 31º lugar nos 100m borboleta.[14][15]

Nos Jogos Olímpicos de Verão de 2016, Daiene terminou em 14º lugar nos 100m borboleta.[16]

No Campeonato Mundial de Natação em Piscina Curta de 2016 na cidade de Windsor, no Canadá, disputado entre os dias 6 a 11 de dezembro de 2016, Daiene foi à final dos 100m borboleta, terminando em 8º lugar.[17] Ela também terminou em 19º nos 50m borboleta.[18]

No Campeonato Mundial de Piscina Curta de 2018 em Hangzhou, China, na prova dos 100m borboleta, Daiene bateu o recorde sul-americano na semifinal, com o tempo de 56s40[19], e, na final, conquistou uma medalha de bronze inédita para o Brasil nesta prova, batendo novamente o recorde Sul-Americano, com a marca de 56s31.[20] Foi a primeira vez que uma nadadora do Brasil conseguiu uma medalha em um Campeonato Mundial de uma prova Olímpica oficial. Minutos depois, Etiene Medeiros igualou o feito, ao conseguir o bronze nos 50m livres.

RecordesEditar

Daiene Dias é ex-detentora dos seguintes recordes:[21]

Piscina olímpica (50 metros):

  • Ex-recordista sul-americana dos 100 metros borboleta: 1m00s48, obtidos em 17/07/2007[4]
  • Ex-recordista brasileira dos 200 metros borboleta: 2m13s35, obtidos em 21/07/2007[2]

Piscina curta (25 metros):

  • Recordista sul-americana dos 100 metros borboleta: 56s31, obtidos em 16 de dezembro de 2018
  • Recordista sul-americana dos 4x100 metros medley: 3m57s00, obtidos em 15 de setembro de 2016

Ver tambémEditar

Referências

  1. a b c d «Perfil no UOL à época do Pan 2007». UOL. 2007. Consultado em 23 de março de 2013 
  2. a b «Madame borboleta». CBDA. 21 de julho de 2007. Consultado em 23 de março de 2013. Arquivado do original em 3 de dezembro de 2013 
  3. «Gabriella conquista o bronze». Globoesporte. 18 de julho de 2007. Consultado em 23 de março de 2013 
  4. a b «Daiene bate recorde e vai à final dos 100m borboleta». Terra. 17 de julho de 2007. Consultado em 23 de março de 2013 
  5. UOL Esporte Atletas brasileiros no Pan 2011: Natação. Visitado em 23 de setembro de 2011.
  6. «Nadadora Joanna Maranhão se classifica para a final dos 200 m borboleta». R7. 19 de outubro de 2011. Consultado em 23 de março de 2013 
  7. «Resultados dos 100m borboleta no Mundial de Doha 2014». OmegaTiming. 7 de dezembro de 2014. Consultado em 16 de dezembro de 2014 
  8. «Resultados dos 50m borboleta no Mundial de Doha 2014». OmegaTiming. 4 de dezembro de 2014. Consultado em 16 de dezembro de 2014 
  9. «Resultados dos 4x50m medley feminino no Mundial de Doha 2014». OmegaTiming. 5 de dezembro de 2014. Consultado em 16 de dezembro de 2014 
  10. «Doha dá ao Brasil a coroa em piscina curta». CBDA. 7 de dezembro de 2014. Consultado em 16 de dezembro de 2014 
  11. «Um dia para celebrar e esquecer». Best Swimming. 17 de julho de 2015. Consultado em 27 de julho de 2015 
  12. «Resultado dos 4x100m medley misto no Mundial de Kazan 2015». OmegaTiming. 5 de agosto de 2015. Consultado em 5 de agosto de 2015 
  13. «Manhã 100% para o Brasil no quarto dia». Best Swimming. 5 de agosto de 2015. Consultado em 5 de agosto de 2015 
  14. «Resultado dos 100m borboleta no Mundial de Kazan 2015». OmegaTiming. 2 de agosto de 2015. Consultado em 2 de agosto de 2015 
  15. «Manhã de altos e baixos na abertura da natação em Kazan». Best Swimming. 2 de agosto de 2015. Consultado em 2 de agosto de 2015 
  16. «Ao lado de João, Felipe vai à final dos 100m peito e afasta fantasma de 2012». Globoesporte. 6 de agosto de 2016. Consultado em 16 de dezembro de 2018 
  17. «Resultado dos 100m borboleta no Mundial de Windsor 2016». OmegaTiming. 11 de dezembro de 2016. Consultado em 16 de dezembro de 2018 
  18. «Resultado dos 50m borboleta no Mundial de Windsor 2016». OmegaTiming. 8 de dezembro de 2016. Consultado em 16 de dezembro de 2018 
  19. «Resultado da semi dos 100m borboleta no Mundial de Hangzhou 2018». OmegaTiming. 15 de dezembro de 2018. Consultado em 16 de dezembro de 2018 
  20. «Resultado da final dos 100m borboleta no Mundial de Hangzhou 2018». OmegaTiming. 16 de dezembro de 2018. Consultado em 16 de dezembro de 2018 
  21. «Recordes de natação femininos». CBDA. 2013. Consultado em 23 de março de 2013. Arquivado do original em 20 de novembro de 2012