Abrir menu principal

Wikipédia β

Declare Guerra
Álbum de estúdio de Barão Vermelho
Lançamento 1986
Gravação Gravado e Mixado em Fevereiro e Março de 1986
Gênero(s) Hard Rock
blues rock
Funk Rock
Rockabilly
Formato(s) Long-Play e Tape (Lançamento Original); Compact Disc e Download Digital (Relançamentos).
Gravadora(s) Opus Columbia/ Som Livre
Produção Ezequiel Neves e Barão Vermelho
Certificação Ouro = + de 120.000 cópias (ABPD, Brasil Brasil).
Cronologia de Barão Vermelho
Maior Abandonado
(1984)
Rock'n Geral
(1987)

Declare Guerra é o quarto álbum da banda de rock brasileiro Barão Vermelho, é também o primeiro álbum sem Cazuza e o último pela gravadora Som Livre.

Índice

HistóriaEditar

Em 1985, Cazuza, por conta de algumas brigas e de seu interesse em fazer um trabalho solo, sai da banda. Leva com ele algumas composições que fariam parte do seu primeiro trabalho solo, como Exagerado e Só as Mães São Felizes . A banda estava pronta para começar a gravação do novo trabalho, mas por conta disso houve um atraso, se inicia uma fase ruim, para muitos era o fim, mas Frejat assume os vocais e ainda em 1985, surge a primeira música do Barão Vermelho sem o Cazuza, Torre de Babel, gravada num programa infantil de TV. Finalmente em 1986 depois de um período longo de gravação, lançam o álbum Declare Guerra, que contou com a participação de letristas como Renato Russo e Arnaldo Antunes, porém, ele não teve publicidade, vendendo muito pouco (em relação aos demais álbuns da banda). Ainda em 1986 a banda deixa a Som Livre e assina contrato com a WEA.

FaixasEditar

N.º TítuloCompositor(es) Duração
1. "Um Dia na Vida"  Cazuza; Maurício Barros 2:42
2. "Desabrigado"  Humberto F.; Maurício Barros 3:27
3. "Torre de Babel"  Ezequiel; Frejat; Guto Goffi 3:07
4. "Bagatelas"  Antonio Ciciero; Frejat 3:20
5. "Não Quero Seu Perdão"  Denise Barroso; Frejat; Julio Barroso 2:40
6. "Bumerangue Blues"  Renato Russo 2:50
7. "Declare Guerra"  Ezequiel; Frejat; Guto Goffi 3:56
8. "Linda e Burra" (canta: Mauricio Barros)Maurício Barros; Pequinho 3:23
9. "Maioridade"  Cazuza; Denise Barroso; Frejat; Guto Goffi 3:36
10. "Que o Deus Venha"  Cazuza; Frejat 3:48
11. "Eu Tô Feliz"  Arnaldo Antunes; Frejat 3:58

MembrosEditar

CréditosEditar

  • Gravado e Mixado em Fevereiro e Março de 1986
  • Produzido por Barão Vermelho e Ezequiel Neves
  • Direção Artística: Guto Graça Mello
  • Técnico de Gravação e Mixagem: Jorge Guimarães (exceto 'Torre de Babel' Gravado e Mixado por D'Orey, em Setembro de 1985.
  • Assistentes de Estúdio: Cesar, Jackson, Marquinhos e Marcelo.

Gravado e Mixado nos estúdios da Sigla/RJ

CuriosidadesEditar

  • A música Que o Deus Venha foi uma adaptação feita por Cazuza do conto de Clarice Lispector que possui o mesmo nome. A música é mais uma da parceria Cazuza/Frejat e em 1990 integrou o primeiro LP de Cássia Eller.
  • A música Um Dia na Vida já havia sido tocada pela banda em alguns shows ao vivo, inclusive no Rock In Rio, com Cazuza nos vocais.
  Este artigo sobre um álbum de Barão Vermelho é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.