Dina Lisboa

Enedina Lisboa (Angatuba, 12 de setembro de 1912 — Angatuba, 4 de agosto de 1987), mais conhecida como Dina Lisboa,[Nota 1] foi uma atriz brasileira.

Dina Lisboa
Dina Lisboa (à dir.) em cena da telenovela
A Fábrica (1971)
Nome completo Enedina Lisboa
Nascimento 12 de setembro de 1912
Angatuba SP
Nacionalidade brasileira
Morte 4 de agosto de 1987 (74 anos)
Angatuba SP

BiografiaEditar

Foi professora primária, transferiu-se em 1935 para uma das escolas da capital, tendo abandonado o magistério em 1939, para ingressar no funcionalismo público. Em São Paulo, estudou canto, dança e declamação, tendo cursado, entre 1949 e 1951, a Escola de Arte Dramática. Entre os grupos de teatro que integrou, destacam-se a Companhia Sérgio Cardoso, o Teatro Brasileiro de Comédia (TBC) e Teatro de Arena. Atuou em Betão Ronca Ferro, em que interpretou Neusa.[1]

Sua coleção é composta por peças teatrais, periódicos, recortes de jornais, folhetos e discos de música erudita e popular brasileira, correspondência, manuscritos sobre teatro e fotografias das atuações da atriz no teatro e na televisão. Seu arquivo pessoal encontra-se no acervo da Unicamp.

TrabalhosEditar

No Cinema

Ano Título Personagem
1977 Que Estranha Forma de Amar dona Valéria
1973 Portugal... Minha Saudade dona Pacheca
1970 A Arte de Amar bem ( eps : A Garçonièrie de Meu Marido )
Betão Ronca Ferro dona Neusa
1959 Meus Amores no Rio [2]
1958 O Preço da Ilusão
Rebelião em Vila Rica
1953 Esquina da Ilusão Inês
1952 Appassionata Florinda
1951 Presença de Anita Augusta
Susana e o Presidente

Na Televisão

Ano Título Emissora
1976 Os Apóstolos de Judas Rede Tupi
1975 Meu Rico Português
1972 Vitória Bonelli
1971 A Fábrica
1969 Nino, o Italianinho
1968 Ricardinho: Sou Criança, Quero Viver Band
O Santo Mestiço [3] TV Globo
1967 O Grande Segredo
Estrelas no Chão Rede Tupi
Éramos Seis
Yoshico, um Poema de Amor
A Ponte de Waterloo
1966 Somos Todos Irmãos TV Record

Notas e referências

Notas

  1. Em alguns filmes, creditada como Dina Lisbôa e Dinah Lisboa

Referências

  1. Cinemateca Brasileira Betão Ronca Ferro [em linha]
  2. «Meus Amores no Rio». Cinemateca Brasileira. Consultado em 19 de abril de 2018 
  3. «O Santo Mestiço». Memória Globo. Consultado em 19 de abril de 2018 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um ator é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.