A Dinastia alauita é a atual família real do Marrocos. O nome provem de Ali, do seu fundador Moulay Ali Cherif, que se tornou sultão de Tafilete, região marroquina a sul do Atlas, em 1631. Seu filho Arraxide (r. 1667–1672) logrou unir e pacificar o país.

A dinastia alauita (partidário de Ali) reclama-se descendente direta do profeta Maomé, pois descendem de Fátima, filha de Maomé, e do seu marido, o quarto califa, Ali.

Império Alauíta no século XVIII


Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.