Abrir menu principal

Donald Knuth

matemático e cientista da computação americano
Disambig grey.svg Nota: "Knuth" redireciona para este artigo. Para o asteroide, veja 21656 Knuth.
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita referências, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde janeiro de 2016). Ajude a inserir fontes confiáveis e independentes. Material controverso que esteja sem fontes deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Donald Knuth
Conhecido(a) por The Art of Computer Programming, TeX, METAFONT, Algoritmo de Knuth-Morris-Pratt, algoritmo de Knuth–Bendix, MMIX
Nascimento 10 de janeiro de 1938 (81 anos)
Milwaukee
Nacionalidade Estadunidense
Alma mater Case Western Reserve University, Instituto de Tecnologia da Califórnia
Prêmios Prêmio Grace Murray Hopper (1971), Prêmio Turing (1974), Gibbs Lecture (1978), Medalha Nacional de Ciências (1979), Prêmio W. Wallace McDowell (1980), Prêmio Leroy P. Steele (1986), Medalha Franklin (1988), Medalha John von Neumann IEEE (1995), Prêmio Kyoto (1996), Prêmios Fronteiras do Conhecimento (2010), Medalha Faraday (2011)
Orientador(es) Marshall Hall
Orientado(s) Andrei Broder, Michael Fredman, Leonidas John Guibas, Scott Kim, Bernard Marcel Mont-Reynaud, Luis Trabb Pardo, Vaughan Pratt, Robert Sedgewick, Jeffrey Vitter
Instituições Universidade Stanford
Campo(s) Matemática, ciência da computação
Tese 1963: Finite Semifields and Projective Planes
Notas Página pessoal

Donald Ervin Knuth (Milwaukee, 10 de janeiro de 1938) é um cientista computacional de renome e professor emérito da Universidade de Stanford. É o autor do livro The Art of Computer Programming, uma das principais referências da ciência da computação. Ele praticamente criou o campo de análise de algoritmos e fez muitas das principais contribuições a vários ramos da teoria da computação. Ele também criou o sistema tipográfico TEX, o sistema de criação de fontes METAFONT, além de ser pioneiro do conceito de programação literária. Finalmente, desenvolveu o conceito de número surreal.

Educação e vida acadêmicaEditar

Nascido no Wisconsin, graduou-se em 1960. Em 1963 obteve o doutorado no Instituto de Tecnologia da Califórnia (Caltech), onde tornou-se professor e começou a trabalhar no livro The Art of Computer Programming, originalmente planejado como uma série de sete livros. O primeiro volume foi publicado em 1968. Neste mesmo ano transferiu-se para a Universidade de Stanford. Em 1974 ganhou o Prêmio Turing.

Em 1976, após produzir o terceiro volume de sua série, ficou tão frustrado com o estado antiquado das ferramentas de publicação que dedicou seu tempo à criação de algo melhor. De seus esforços surgiram as ferramentas TEX e METAFONT.

Em reconhecimento às suas contribuições à ciência da computação ele foi agraciado em 1990 com o singular título de Professor of the Art of Computer Programming, que depois foi atualizado para Professor Emeritus of the Art of Computer Programming.

Em 1992 tornou-se um associado da Academia Francesa de Ciências. Neste mesmo ano aposentou-se da universidade para concluir The Art of Computer Programming. Em 2003 foi eleito como Fellow da Royal Society. Em 2004 os primeiros três volumes de seu livro foram reeditados. Atualmente Knuth está trabalhando no quarto volume e trechos são liberados periodicamente em seu site pessoal.

Ligações externasEditar