Abrir menu principal
Ambox grammar.svg
Esta página ou secção precisa de correção ortográfico-gramatical.
Pode conter incorreções textuais, e ainda pode necessitar de melhoria em termos de vocabulário ou coesão, para atingir um nível de qualidade superior conforme o livro de estilo da Wikipédia. Se tem conhecimentos linguísticos, sinta-se à vontade para ajudar.

Um dono de mídia,[1][2] ou barão da mídia, refere-se a empresários ou homens de negócio bem-sucedidos que controlam, através de propriedade pessoal ou posição dominante em qualquer companhia ou empresa relativa a mídia, mídia(s) consumida(s) por um grande número de indivíduos. Criadores de mídias sociais podem já ser considerados parte do ambiente da mídia, em escala massiva: eles entregam mídia para uma grande base de consumidores.

HistóriaEditar

Nos EUA, donos de jornais tornaram-se proeminentes inicialmente no século XIX, com o desenvolvimento dos jornais de circulação em massa. No século XX, a proprietança expandiu-se para incluir propriedade de redes de rádio e TV, bem como estúdios de filmes, editoras de livros, e mais recentemente companhias de internet e outras formas multimídias.

Como reflexo disto, o termo "barão da imprensa" foi trocado por "barão da mídia", popularizando-se. Em relevância moderna, sites de mídia social precisam ser levados em conta, como o Facebook em relação a Mark Zuckerberg, que é um proprietário de mídia extremamente importante

Proprietários de mídia notáveisEditar

Mark Zuckerberg é um barão da mídia com o qual a maioria das pessoas está familiar com. De acordo com a Forbes, Zuckerberg está na 7ª posição na lista World's Billionaire, e 1ª na America's Richest Entrepreneurs Under 40.[3] Desde sua inovação com o Facebook, ele é considerado como sendo uma das pessoas mais influentes do mundo. The Social Network é um filme que explica a jornada de sucesso de Mark Zuckerberg como barão da mídia. Antes de sua criação do Facebook, ele começou com o Facemash.com, onde ele hackeou com sucesso o banco de dados de imagens dos estudantes da Harvard University.[4] Após isto, ele foi construir o TheFacebook.com, que tornou-se um sucesso em todo o campus. Porém, Zuckerberg é acusado de roubar as ideias de projeto de seus colegas para o desenvolimento do Facebook - porém, sem usar o código diretamente.[5] Statista elencou o Facebook como o site de mídia social mais usado em abril de 2015, alcançando até 45,4% das visitas a redes sociais.[6] De acordo com a Investopedia, Mark Zuckerberg apoiou o Giving Pledge, afirmando que, antes de sua morte, ele irá doar metade de seu patrimônio líquido para intenções de caridade.[7]

Steve Forbes Jr[8] é um exemplo de proprietário de mídia com muita experiência. Steve Forbes nasceu em 18 de julho de 1947 e é o presidente e editor-chefe da Forbes Media. Ele também tornou-se indicado para presidência, duas vezes, pelo Partido Republicano. "Forbes é a revista de negócios líder na nação, com uma tiragem de mais de 900mil. Forbes combinou-se com Forbes Ásia, e as edições licenciadas da companhia juntas alcançam uma audiência mundial de mais de 6 milhões de leitores."[9] Ele também é o único escritor que ganhou o prestigioso Crystal Owl Award quatro vezes.[10]

Walt Disney:[11] nasceu em 5 de dezembro de 1901 e é famosamente conhecido como um estadunidense empresário, cartunista, animador, dublador, e produtor de filmes. Ele e seu irmão Roy co-fundaram Walt Disney Productions, que por sua vez tornou-se uma das companhias de produção de animações mais conhecida do mundo. Após isto, sua vida tornou-se cheia de sucessos, resultando no ganho de 22 Academy Awards. Uma de suas criações populares é Mickey Mouse. Ele começou tudo desde o filme original, e criou muitas animações usando o personagem. Consequentemente, esta inovação de sucesso levou-o a abrir o parque temático chamado Disneyland e Disney World. Hoje, ele é dono de numerosos parques temáticas ao redor do mundo, e a parte de maior sucesso é que muita gente ao redor do mundo o tem como uma lenda.[12]

Por fim, há Oprah Winfrey, que tornou-se a mulher de maior sucesso no mundo.[13] Nasceu em 29 de janeiro de 1954 e começou sua carreira em diversas mídias, conseguindo sucesso cedo e tendo muita gente conhecendo-a por suas experiências. O início de fato foi como primeira correspondente de TV afro-americana de Nashville, e a pessoa mais nova a se tornar co-âncora das notícias para a WTVF, uma afiliada da CBS.[14]

Winfrey também foi dona de seu show matinal chamado AM Chicago, que um ano depois foi renomeado para The Oprah Winfrey Show. Após isso, ela também estreou em um filme, e uma revista chamada O, the Oprah Magazine, que foi o lançamento de revista de maior sucesso na história recente. Ela recebeu a AAP Honors Award (da Association of American Publishers), e o Oprah’s Book Club tornou-se um dos maiores clubes de livros no mundo.[15] Além disso, recebeu a primeira posição na lista Forbes’ Power Celebrity.[16]

ReferênciasEditar

  1. «Media | Define Media at Dictionary.com». Consultado em 8 de dezembro de 2015 
  2. «the definition of proprietor». Dictionary.com. Consultado em 8 de dezembro de 2015 
  3. Forbes. Forbes Magazine, n.d. Web. <http://www.forbes.com/profile/mark-zuckerberg/?list=rtb>.
  4. "The Social Network." Empire. N.p., n.d. Web. <http://www.empireonline.com/movies/social-network/review/>.
  5. "THE SOCIAL NETWORK Movie Review." Collider. N.p., 01 Oct. 2010. Web. <http://collider.com/the-social-network-movie-review-david-fincher-jesse-eisenberg/>.
  6. "U.S. Top Social Media Sites Visit Share 2015 | Statistic." Statista. N.p., n.d. Web. <http://www.statista.com/statistics/265773/market-share-of-the-most-popular-social-media-websites-in-the-us/>.
  7. "Mark Zuckerberg Success Story: Net Worth, Education & Top Quotes." Investopedia. N.p., 13 Aug. 2015. Web. <http://www.investopedia.com/articles/personal-finance/081315/mark-zuckerberg-success-story-net-worth-education-top-quotes.asp>.
  8. «Steve Forbes». www.forbes.com. Consultado em 8 de dezembro de 2015 
  9. «Steve Forbes». www.forbes.com. Consultado em 8 de dezembro de 2015 
  10. «Steve Forbes». www.forbes.com. Consultado em 8 de dezembro de 2015 
  11. «Walt Disney Biography» 
  12. «Walt Disney Biography» 
  13. «Oprah Winfrey: a career timeline». Telegraph.co.uk. Consultado em 8 de dezembro de 2015 
  14. «Oprah Winfrey: a career timeline». Telegraph.co.uk. Consultado em 8 de dezembro de 2015 
  15. «Oprah Winfrey: a career timeline». Telegraph.co.uk. Consultado em 8 de dezembro de 2015 
  16. «Oprah Winfrey: a career timeline». Telegraph.co.uk. Consultado em 8 de dezembro de 2015