Dungal de Bobbio

Dungal de Bobbio (em latim: Dungalus; fl. 811–828) foi um monge, professor, astrônomo e poeta irlandês. É possível ainda ainda que ele seja a mesma pessoa que o chamado "Hibernicus exul".

Dungal de Bobbio
Nascimento Século IX
Morte 828
Ocupação astrônomo, poeta, professor, sacerdote, escritor
Religião Igreja Católica

BiografiaEditar

Dungal nasceu na Hibérnia (moderna Irlanda) em algum momento no final do século VIII. O local exato não se sabe, mas é possível que ele tenha estudado numa escola em Bangor. Em algum ponto perto de 800, Dungal saiu da Irlanda. Em 811, já estava vivendo no mosteiro em Saint-Denis, perto de Paris. Uma carta de Alcuíno parece identificá-lo como bispo.

Ele mudou-se depois para Pavia e finalmente para Bobbio.

Dungal escreveu um poema sobre a sabedoria e as sete artes liberais. Em 823, foi mencionado num capitulário de Lotário I. Dois anos depois, foi nomeado, por decreto imperial, mestre da escola em Pavia. Em 827 ou 828, defendeu a veneração de imagens contra o bispo de Turim, Cláudio e escreveu, a pedido de Luís, o Piedoso, uma obra refutando seus argumentos.

Morreu em data desconhecida depois disto, provavelmente no Mosteiro de Bobbio. Ele deixou para a abadia sua valiosa biblioteca, com 27 volumes,[1] entre os quais é possível que estivesse o "Antifonário de Bangor".

Eclipses solaresEditar

Numa carta endereçada a Carlos Magno, Dungal respondeu a uma questão do imperador sobre o motivo da ocorrência de um eclipse solar em 810[2] baseando-se nos ensinamentos de Macróbio, Plínio e outros autores antigos.[3] Esta carta demonstra "um conhecimento de astronomia muito além das ideias de seu tempo".[4]

Referências

  1. A nova edição do catálogo de Bobbio de M. TOSI, ‘Il governo abbaziale di Gerberto a Bobbio’, in Archivum Bobiense, 2 (1985), pp. 195-223, com a herança de Dungal nos números 496 to 522
  2. M. L. W. Laistner, Thought and Letters in Western Europe: A.C. 500 to 900, 2nd. ed., (Ithaca: Cornell Univ. Pr., 1957), pp. 214, 290-91.
  3. Bruce S. Eastwood, "The Astronomy of Macrobius in Carolingian Europe: Dungal's Letter of 811 to Charles the Great", Early Medieval Europe, 3(1994): 117-134
  4. «Dungal». Catholic Encyclopedia. Consultado em 20 de março de 2012 

Ligações externasEditar

Obras de Dungal em latimEditar