Abrir menu principal

Wikipédia β

Epístola aos Colossenses

duodécimo livro do Novo Testamento, composto de apenas 4 capítulos

Colossenses é o nome pelo qual é conhecida a epístola que o apóstolo Paulo redigiu aos cristãos da Igreja situada em Colossas (comumente traduzido como Colossos, mas diferindo da mais famosa Colossos de Rodes), uma cidade frígia da Ásia Menor, aproximadamente no ano 60 da era comum, durante a sua prisão em Roma.

Motivo da escritaEditar

O apóstolo Paulo escreveu aos colossenses depois que foi informado sobre a situação espiritual daquela Igreja através de Epafras, um colossense fundador e dirigente desta igreja, numa época em que outros mestres tentavam combinar elementos do paganismo e da filosofia secular com as doutrinas cristãs, induzindo a um relativismo religioso.

Embora nunca tenha passado por Colossos, Paulo esteve em Laodiceia, em sua terceira viagem missionária (ver: Atos).

ConteúdoEditar

O conteúdo desta epístola aborda a supremacia e a plena suficiência de Cristo. Alguns dos assuntos de maior relevância tratados na carta seriam:

1. A pessoa e obra de Cristo (Colossenses 1:15-23);
2. Advertências acerca das heresias e falsas doutrinas (Colossenses 2:8-23);
3. E a união do cristão com Cristo (Colossenses 3:1-4).

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre a Bíblia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.