Abrir menu principal

Wikipédia β

Epístola aos Filipenses

undécimo livro do Novo Testamento, composto de apenas 4 capítulos
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre a epístola de São Paulo. Para os habitantes da cidade de Filipos, veja Filipos.

Epístola aos Filipenses - é como é conhecida a carta que o apóstolo Paulo redigiu aos habitantes de Filipos, uma cidade importante no Império Romano por causa de sua localização geográfica na região montanhosa entre a Ásia e a Europa.

Cidade da Macedônia fundada por Felipe II, pai de Alexandre, o Grande, no ano 358 a.C. Foi a primeira cidade da Europa que ouviu a pregação de um missionário cristão (Atos 16:6-40).

Índice

AutoriaEditar

No primeiro versículo da Epístola aos Filipenses, Paulo anuncia-se como autor da mesma e saúda os irmãos:

«Paulo e Timóteo, servos de Cristo Jesus, a todos os santos em Cristo Jesus que estão em Filipo, com os bispos e diáconos: Graças a vós, e paz da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo.» (Filipenses 1:1-2)

Data e local de escritaEditar

A epístola foi escrita, provavelmente, entre 53 e 58 D.C. E, segundo a tradição, a carta teria sido escrita numa prisão em Roma, para a igreja em Filipos. Entretanto há pesquisadores que argumentam em favor da carta ter sido escrita numa prisão em Cesareia ou ainda em Éfeso.

ConteúdoEditar

Esta afetuosa epístola elogia os filipenses por sua fé em Jesus e por seu apoio. Paulo os ajuda a centralizar a vida em Cristo e a estar contentes em todas as situações, ser fortes em oração e imitar com alegria o exemplo de seu Salvador, Jesus Cristo.

PropósitoEditar

O propósito do Apóstolo Paulo ao escrever essa carta, era incentivar a igreja à se alegrar, e ele mostra para eles que mesmo preso ele se alegrava, e que devemos nos alegrar independente de qual seja as circunstancias.

Esboços principaisEditar

1º Paulo ora pelos Filipenses. (Filipenses 1:1-11)
2º As cadeias de Paulo fazem com que o evangelho avance. (Filipenses 1:12-26)
3° Cristo é modelo de humildade. (Filipenses 1:27 à Filipenses 2:18)
4º Paulo louva a Timóteo e Epafrodito. (Filipenses 2:19-30)
5º Exortação ao conhecimento e à paz de Cristo Jesus. (Filipenses 3:1-4,20)
6° Saudações finais. (Filipenses 4:21-23)

ReferênciasEditar

  • KÜMMEL, Werner Georg. Introdução ao Novo Testamento. São Paulo: Edições Paulina, 1982.
  Este artigo sobre a Bíblia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.