Abrir menu principal
Eros Ramazzotti
Eros Ramazzotti.JPG
Eros em 2009
Informação geral
Nome completo Eros Luciano Walter Ramazzotti
Nascimento 28 de outubro de 1963 (55 anos)
Origem Roma
País  Itália
Gênero(s) Pop, R&B, Rock
Instrumento(s) Vocais,violão,guitarra
Período em atividade 1981 - presente
Gravadora(s) Arista
RCA
BMG
Universal Music
Página oficial http://www.ramazzotti.com/

Eros Luciano Walter Ramazzotti Molina (Roma, 28 de outubro de 1963) é um cantor italiano.

Índice

BiografiaEditar

Nascido no bairro romano de Cinecittà, desde cedo revelou uma paixão instintiva pela música. Com apenas oito anos, recebeu a sua primeira guitarra das mãos de seu pai, ele próprio um cantor com algum sucesso em Itália. Aos dezoito anos, e já depois de ter decidido abandonar os estudos e tornar-se músico profissional, participou no concurso Voci Nuove di Castrocaro (Novas Vozes de Castrocaro) com a canção "Rock 80". Não venceu o concurso, mas logo chamou a atenção da pequena editora italiana DDD (Drogueria Di Drugolo), com a qual assinou o seu primeiro contrato discográfico.

Em 1982 estreou-se nas gravações com o single "Ad Un Amico", ao mesmo tempo que refinava o talento com o seu instrumento de eleição, a guitarra. Em 1984, venceu o Festival de Sanremo na secção de "Novas Vozes" (Voci Nuove) com a balada "Terra Promessa". Na edição seguinte do mesmo certame, interpretou o tema "Una Storia Importante", que foi incluído no seu álbum de estreia, Cuori Agitati de 1985.

Em 1986, foi o vencedor absoluto do mesmo certame com o tema "Adesso Tu", confirmando uma popularidade crescente, não só em Itália, mas também em alguns países da Europa. A canção foi incluída no álbum Nuovi Eroi de 1986, que registou ainda o tema-título como grande êxito. Seguiu-se In Certi Momenti de 1987, que contou com a participação da cantora britânica Patsi Kensit no tema "La Luce Buona Delle Stelle" e consagrou o cantor no mercado europeu. A digressão que se seguiu fez dele o primeiro artista italiano a actuar perante mais de um milhão de espectadores ao longo de cerca de nove meses. Em 1988, lançou o mini-álbum Musica È, que superou as vendas do seu antecessor.

Após dois anos afastado dos palcos, lançou, em 1990, In Ogni Senso, trabalho que incluiu os clássicos "Cantico" e "Se Bastasse Una Canzone". A longa digressão que se seguiu teve como resultado a edição do registo ao vivo Eros in Concert de 1991. In Ogni Senso proporcionou-lhe ainda o primeiro concerto nos EUA, no esgotado Radio City Music Hall de Nova York.

O ano de 1993 marcou a definitiva afirmação mundial do cantor, com a edição de Tutte Storie, trabalho que atingiu o topo da maioria das tabelas de vendas europeias graças a êxitos como "Cose Della Vita", "A Mezza Via", "Un'altra Te" e "Memorie". O videoclip de "Cose Della Vita" foi realizado por Spike Lee. Após a digressão que promoveu o disco, o cantor regressou a Itália onde concebeu o evento musical Trio, no qual foi protagonista ao lado de Pino Daniele e Jovanotti. Durante este período fundou a sua própria empresa de representação, a Radiorama, e assinou um novo contrato com a editora BMG International. Durante o verão de 1995, participou no Summer Festival, um festival musical que levou a sete estádios europeus artistas como Rod Stewart, Elton John e Joe Cocker, entre outros.

Em Maio de 1996, lançou Dove C'è Musica, o seu oitavo longa-duração e o primeiro inteiramente produzido por si. Este trabalho incluiu os sucessos "Più Bella Cosa" e "L' Aurora", vendeu mais de sete milhões de cópias em todo o mundo e proporcionou-lhe o prémio MTV Europe para Melhor Artista Italiano. Neste período escreveu, para a interpretação de Joe Cocker, o tema "That's All I Need to Know".

No ano seguinte, lançou a colectânea dos seus maiores êxitos, intitulada Eros, que incluiu 16 temas, cinco dos quais em versão original (entre eles "Favola", "L'Aurora" e "Piu' Bella Cosa"), sete regravados (de "Terra Promessa" a "Adesso Tu") e dois inéditos:"Quanto Amore Sei" e "Ancora Un Minuto Di Sole". O álbum contou ainda com os duetos "Musica È?" e "Cose Della Vita/Can't Stop Loving You" com Andrea Bocelli e Tina Turner, respectivamente.

Em Maio de 1998, participou no evento Pavarotti and Friends, no qual cantou o clássico "Se Bastasse Una Canzone" ao lado do tenor italiano. Após a edição, em Outubro, do registo ao vivo Eros Live, Ramazotti foi galardoado em Hamburgo com o prémio Echo na categoria de Melhor Artista Masculino Internacional. Em 2000, Eros Ramazzotti regressou com um álbum de originais intitulado Stilelibero, do qual fizeram parte os êxitos "Fuoco Nel Fuoco" e "Piu Che Puoi", este em dueto com Cher. No mesmo ano, colaborou, como produtor e co-autor, no álbum de Gianni Morandi Come Fa Bene L'amore. Em 15 de Julho de 2001 actuou em Lisboa, num concerto integrado na digressão promocional de Stilelibero.

O cantor italiano regressou aos álbuns de estúdio, com o disco 9 (2003), onde deu continuidade ao seu estilo pop, cantado em italiano. O registo não teve grande expressão nas tabelas de vendas.Ainda em 2003, Eros, realizou um dueto com a brasileira Wanessa Camargo. O dueto foi realizado no programa 'Domingão do Faustão', da Rede Globo. Ainda nesse ano, chegaram às lojas duas edições especiais: um CD duplo gravado ao vivo, Eros Ramazzotti Live e o Greatest Hits, reunindo os principais êxitos gravados na BMG.

Vida PessoalEditar

Em 1998, Eros se casou com a atriz e modelo suíça Michelle Hunziker, eles tem uma filha chamada Aurora nascida em 1996. O casal se divorciou em 2002.

Eros demonstrava tristeza nas entrevistas, na época em que se separou de Michelle.

Famoso por sua personalidade desconfiada, o cantor raramente fala sobre suas questões pessoais em público e assumidamente tem poucos amigos a quem conta seus segredos. Assim, embora seu nome seja visto frequentemente em sites de fofoca, a maior parte das informações divulgadas sobre sua vida pessoal nunca foram confirmadas por ele.

Em 2009 iniciou uma relação com a modelo Marica Pellegrinelli, de quem tem uma filha, Rafaela Maria. Casou-se com Marica Pellegrinelli em 6 de junho de 2014.[1]

DiscografiaEditar

 Ver artigo principal: Discografia de Eros Ramazzotti

Álbuns de estúdioEditar

Ao vivoEditar

CompilaçõesEditar

VideografiaEditar

  • In Giro Per Il Mondo (VHS, 1991)
  • Stilelibero (DVD, 2001)
  • Eros Roma live (DVD, 2004)
  • 21:00 - Eros Live World Tour 2009/2010 (DVD)
  • Eros Cinecittà Live (2013) (DVD)


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
  Citações no Wikiquote
  Categoria no Commons

Ligações externasEditar