Esmoriz

cidade e freguesia do município de Ovar, Portugal

Esmoriz é uma freguesia portuguesa do município de Ovar, com 9,05 km² de área e 11 922 habitantes (censo de 2021)[1]. A sua densidade populacional é 1 317,3 hab./km².

Portugal Portugal Esmoriz 
  Freguesia  
Monumento ao Tanoeiro
Monumento ao Tanoeiro
Monumento ao Tanoeiro
Gentílico Esmorizense
Localização
Esmoriz está localizado em: Portugal Continental
Esmoriz
Localização de Esmoriz em Portugal
Coordenadas 40° 57' N 8° 37' O
Região Centro
Sub-região Região de Aveiro
Distrito Aveiro
Município Ovar
Código 011503
Administração
Tipo Junta de freguesia
Características geográficas
Área total 9,05 km²
População total (2021) 11 922 hab.
Densidade 1 317,3 hab./km²
Código postal 3885
Outras informações
Orago Santa Maria

Esmoriz tem o estatuto de cidade desde 1993, e é cidade geminada com Draveil, em França.

História editar

As origens da cidade remontam ao período da ocupação romana, quando se denominava "Ermeriz" ou "Hermeriz".

Sob o reinado de Dinis I de Portugal (1279-1325), a freguesia e a chamada Barrinha de Esmoriz encontram-se referidas nas Inquirições de 1288: "(...) e disseram, pelo juramento que fizeram, que, em um lugar que é dele da freguesia de Esmoriz e dele da freguesia de Cortegaça, contra o mar, há uma lagoa que era devesso e a que vinham os homens d'el-rei e os outros da terra colher o carocil (...)"

Esmoriz também se encontra referida no Foral Novo da Feira (1514).

Ao longo dos séculos, a titularidade da sua posse variou: foi pertença dos condes da Feira e posteriormente da Casa do Infantado. Passou para Ovar em 1514 (?) e em 1916 pertencia a Espinho. Anos mais tarde voltou para a comarca de Ovar, onde permanece até hoje.

Em 29 de março de 1955 ascendeu ao estatuto de vila e, mais tarde, a 2 de julho de 1993 ascendeu ao de cidade.

Ao longo dos séculos a fertilidade das terras de Esmoriz e os seus recursos foram razões determinantes para a fixação da população nesta zona. As principais atividades centravam-se na Arte Xávega, na Tanoaria e na Cordoaria. Atualmente essas atividades deram lugar a novas indústrias, como por exemplo a de móveis, confecções, construção civil, e outras.

Património edificado editar

 
Antiga casa de pescadores, Esmoriz.

Em termos de património edificado destacam-se os antigos palheiros, abrigos de pescadores no passado, e os templos, nomeadamente a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Assunção, a Capela de Nossa Senhora da Penha de França, e a Capela da Praia.

A cidade conta ainda com um monumento em homenagem ao tanoeiro, e outro aos pescadores, antigas atividades económicas expressivas para a sua economia.

O Palacete dos Castanheiros, onde se situa atualmente a Biblioteca Pública de Esmoriz, acolheu em tempos a Escola E.B. 2/3 Florbela Espanca.

Demografia editar

A população registada nos censos foi:[1]

População da freguesia de Esmoriz[2]
AnoPop.±%
1864 1 952—    
1878 2 352+20.5%
1890 2 621+11.4%
1900 3 079+17.5%
1911 3 509+14.0%
1920 3 528+0.5%
1930 3 813+8.1%
1940 4 240+11.2%
1950 5 341+26.0%
1960 5 955+11.5%
1970 7 945+33.4%
1981 8 538+7.5%
1991 9 890+15.8%
2001 10 993+11.2%
2011 11 448+4.1%
2021 11 922+4.1%

Nota: Por decreto de 21 de junho de 1879 esta freguesia passou do concelho da Feira para o de Ovar. Por decreto nº 12.457, de 10 de outubro de 1926, passou a fazer parte do concelho de Espinho. Por decreto nº 15.395, de 14 de abril de 1928, esta freguesia deixou de fazer parte do concelho de Espinho e passou novamente a pertencer ao de Ovar. Por decreto nº 40.408, de 29 de março de 1955 esta povoação foi elevada à categoria de vila.

Distribuição da População por Grupos Etários[3]
Ano 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos
2001 2028 1695 6162 1108
2011 1875 1200 6830 1543
2021 1545 1297 6809 2271

Património natural editar

Em termos de património natural a cidade tem como principal atração uma praia de areia fina, propícia à prática de desportos náuticos, nomeadamente o surf, e a Barrinha de Esmoriz, canal lagunar atualmente em processo de despoluição.

Em 2017, foram inaugurados os passadiços de Esmoriz, que percorrem uma secção da Barrinha de Esmoriz já despoluida, e fazem ligação com os passadiços de Espinho, estendendo a rede de passadiços beira-mar que liga as praias desde Espinho até Gaia. Os passadiços incluem também um observatório de avifauna que permite a observação de aves que fazem da Barrinha o seu habitat.[4]

O conjunto Barrinha de Esmoriz/Lagoa de Paramos forma a maior zona lagunar da região Norte do país, com cerca de 400 hectares de área.[4]

Para aproveitamento desse património, a cidade conta com vários surfcamp / surf houses: Surfivor Surfcamp, Oporto Surfcamp, Surfer's Camp e Watermark Surf House.

Mais recentemente, abriu o primeiro clube de surf em Esmoriz credenciado pela Federação Portuguesa de Surf(Atlantikbreak -Clube de Surf), tendo uma escola associada ao mesmo,com a designação de Barrinha Surf School.

Em 2017, foi criada a primeira associação de Stand Up Paddle de Esmoriz, SUPSoul, para dar resposta ao crescimento desta modalidade na cidade de Esmoriz.

Grupos e Associações editar

 
Monumento ao VIII Centenário da Independência, III da Restauração de Portugal.
  • Grupo de Danças e Cantares de Santa Maria de Esmoriz
  • Esmoriz Ginásio Clube
  • Agrupamento 871 - Esmoriz - do Corpo Nacional de Escutas
  • Grupo de Acólitos de Esmoriz
  • Grupo Para a Sociedade (GPS)
  • Grupo D'Arte e Cultura Os Arautos
  • Grupo Columbófilo de Esmoriz
  • Orquestra de Bandolins de Esmoriz
  • Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Esmoriz
  • Piscina da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Esmoriz
  • Palheiro Amarelo
  • Centro Comunitário de Esmoriz
  • Sporting Clube de Esmoriz
  • Comissão de Melhoramentos de Esmoriz
  • Esmoriz Moto Clube
  • Grupo Teatro Renascer
  • Atlantikbreak - Clube de Surf
  • Self-Rule - Banda de Punk
  • Associação de Stand Up Paddle de Esmoriz - SUPSoul
  • Conferência Vicentina de Esmoriz
  • Grupo Paroquial de Esmoriz (Grupo Coral)
  • Movimento Cursilhos de Cristandade de Esmoriz (Ultreia de Esmoriz)
  • Associação de Pais e Encarregados de Educação da Escola Secundária de Esmoriz

Referências

  1. a b Instituto Nacional de Estatística (23 de novembro de 2022). «Censos 2021 - resultados definitivos» 
  2. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes
  3. INE. «Censos 2011». Consultado em 11 de dezembro de 2022 
  4. a b «Ovar: 8 quilómetros de passadiços à volta de uma lagoa». Evasões. 7 de outubro de 2017 
 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Esmoriz

Ligações externas editar