Abrir menu principal

Estádio Olímpico de Tóquio (1964)

Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre o estádio antigo que já não existe. Para o estádio atual, veja Estádio Olímpico de Tóquio (2020).
Estádio Olímpico de Tóquio
Kokuritsu Kyōgijō
National Stadium of Japan Kasumigaoka.jpg
Interior do Estádio Olímpico de Tóquio.
Nome Kokuritsu Kasumigaoka Rikujō Kyogijō
Características
Local Shinjuku, Tóquio
 Japão
Gramado Grama natural (105 x 68 m)
Capacidade 48 000 (assentos)
57 363 (total)
Construção
Data 1958
Recordes
Público recorde 80 000 pessoas
Data recorde 22 de março de 2014 (concerto da banda L'Arc-en-Ciel)
Outras informações
Demolido 2015
Mandante Tóquio 1964
Supercopa do Japão

O Estádio Olímpico de Tóquio (também conhecido como Estádio Nacional de Tóquio e em japonês: 国立霞ヶ丘陸上競技場, Kokuritsu Kasumigaoka Rikujō Kyogijō) foi um estádio localizado em Tóquio, Japão, onde foi realizado os Jogos Olímpicos de Verão de 1964.

Inaugurado em 1958, sediou os Jogos Asiáticos daquele ano, o Campeonato Mundial de Atletismo de 1991, a Copa Intercontinental (disputa entre o vencedor da Liga dos Campeões da UEFA e Libertadores da América, equivalente ao Mundial de Clubes da FIFA) de 1980 até 2001 e as finais da J-League, até 1998 e sediou a primeira final, em jogo único da Liga dos Campeões da Ásia, em 2009. além das finais da Copa do Imperador e Copa da Liga Japonesa.

Foi confirmado em fevereiro de 2012 que o estádio seria demolido e reconstruído, e recebido £1 bilhão para a reforma[1][2]. Foi demolido em 2015, e as obras do novo estádio se iniciaram oficialmente em 2016.

Referências

  1. Green saves (11 de setembro de 2013). «Japão vai criar estádio ecológico para os Jogos Olímpicos de 2020». Consultado em 13 de setembro de 2013 [ligação inativa]
  2. «Palco central das Olimpíadas 2020, estádio em Tóquio terá arquitetura futurista e inovadora». 14:29. 11 de setembro de 2013. Consultado em 13 de setembro de 2013 

Ligações externasEditar