Eva Pierrakos

Eva Broch Pierrakos (Viena, 1915 - Nova York,1979), foi uma sensitiva e dançarina austríaca, fundadora do método de autoconhecimento Pathwork.

Eva Pierrakos
Nascimento 30 de março de 1915
Viena
Morte 1979 (63–64 anos)
Cidadania Áustria
Progenitores
Irmão(s) Judith Wassermann, Albert Wassermann
Ocupação sensitivo

BiografiaEditar

Filha do famoso escritor Jacob Wassermann, Eva cresceu no meio de alguns dos grandes escritores do seu tempo, que eram amigos de seu pai - Herman Hesse, Thomas Mann e Rudolf Steiner. Todavia, Eva se rebelou contra a vida intelectual. Na verdade, ela queria ser uma dançarina[1].

Era uma jovem brilhante e expansiva, o que a levou mais tarde, em Nova York, a tornar-se instrutora de dança. Eva deixou a Áustria antes da invasão nazista e mudou-se para Nova York. Foi na Suíça, entretanto, onde viveu durante alguns anos, que seu dom psíquico começou a se manifestar sob a  forma de escrita automática[2], canalizando os ensinamentos de uma entidade espiritual que, posteriormente, foram compilados na obra The Pathwork Guide Lectures[3] e constituem os fundamentos do caminho espiritual conhecido como Pathwork[4].

Ela passou a meditar por longas horas, mudou sua dieta e assumiu o compromisso de usar o seu dom exclusivamente para ajudar as pessoas, assumindo o risco de perder amigos, que pensavam que ela estava enlouquecendo. Começou então a desenvolver a clariaudiência, não ouvindo vozes externas, mas vozes internas que provinham do seu cérebro[5].

O Pathwork foi elaborado por Eva Pierrakos como um método de autoconhecimento. De 1957 a 1979, Eva entrava em estado de leve transe e o seu guia espiritual falava através dela. Foram 258 palestras[3], cujos temas versavam sobre a natureza das realidades psicológica e espiritual e sobre o processo de transformação pessoal[6].

Em 1967, Eva conheceu John Pierrakos, psiquiatra, com quem se casou alguns anos depois[7]. A fusão dos seus trabalhos individuais conduziu a uma grande expansão da comunidade  do Pathwork. Eva aprimorou a forma de trabalhar com grupos de estudos do Pathwork, com base na terapia de grupo da Core Energetics, proposta por John Pierrakos e Alexander Lowen. E assim o método começou a difundir-se pelo mundo.

Em 1972, o Trabalho do Caminho foi transformado em fundação educacional sem fins lucrativos a “Pathwork Foundation”.

Eva morreu em 1979, legando-nos uma rica herança de material canalizado. Além de 258 palestras, há o registro de centenas de sessões de perguntas e respostas e consultas particulares com o Guia[5].

ObraEditar

  • O Caminho da Autotransformação. Eva Pierrakos. Editora Cultrix.
  • Não Temas o Mal. Eva Pierrakos e Donovan Thesenga. Editora Cultrix.
  • Criando União. O significado espiritual dos relacionamentos. Eva Pierrakos e Judith Saly. Editora Cultrix.
  • Eu sem Defesas. Susan Thesenga. Editora Cultrix.
  • Entrega ao Deus Interior. Eva Pierrakos e Donovan Thesenga. Editora Cultrix.
  • Caminho para o Eu Real. Eva Pierrakos. Pathwork Regional São Paulo.
  • Orações e Afirmações. Eva Pierrakos. Pathwork Regional São Paulo.
  • Perguntas & Respostas - Volume 1, 2 e 3. Eva Pierrakos. Pathwork Regional São Paulo.

PathworkEditar

O Pathwork é uma metodologia esotérica desenvolvida a partir dos ensinamentos que teriam sido canalizados pelo guia espiritual de Eva Pierrakos, sendo considerado como um caminho espiritual de autopurificação e autotransformação, envolvendo todos os níveis de consciência.

Referências

  1. «Eva Pierrakos». www.the50-50work.com (em inglês). Consultado em 10 de fevereiro de 2018 
  2. «PATHWORK BRASIL». www.pathworkbrasil.com.br. Consultado em 9 de fevereiro de 2018 
  3. a b «Pathwork Lectures: Search and Read the Guide's Psychology & Spirituality  »  » Eva Pierrakos & The Source of Her Lectures». www.pathworklectures.com. Consultado em 9 de fevereiro de 2018 
  4. «Eva Pierrakos». www.the50-50work.com (em inglês). Consultado em 9 de fevereiro de 2018 
  5. a b Brasil, Construsite. «Eva Pierrakos - Biografia - Oficina da Alma». www.oficinadaalmabh.com.br. Consultado em 9 de fevereiro de 2018 
  6. «O caminho do autoconhecimento Bem-estar e saúde Meditação». www.triada.com.br. Consultado em 9 de fevereiro de 2018 
  7. «Editora de livros Pensamento Cultrix». www.pensamento-cultrix.com.br. Consultado em 9 de fevereiro de 2018 

Ligações externasEditar