Executive Decision

Executive Decision (Brasil: Momento Crítico /Portugal: Decisão Crítica) é um filme de ação e suspense de 1996 dirigido por Stuart Baird. Foi lançado nos Estados Unidos em 15 de março de 1996 e arrecadou US$ 122 milhões contra um orçamento de US$ 55 milhões. O filme é estrelado por Kurt Russell, Steven Seagal, Halle Berry, Oliver Platt, David Suchet e John Leguizamo.

Executive Decision
Decisão Crítica[1] (PRT)
Momento Crítico[2] (BRA)
 Estados Unidos
1996 •  cor •  133 min 
Direção Stuart Baird
Produção Joel Silver
Jim Thomas
John Thomas
Roteiro Jim Thomas
John Thomas
Elenco Kurt Russell
Halle Berry
John Leguizamo
Oliver Platt
Joe Morton
David Suchet
Steven Seagal
Gênero ação
suspense
Música Jerry Goldsmith
Cinematografia Alex Thomson
Edição Stuart Baird
Frank J. Urioste
Companhia(s) produtora(s) Silver Pictures
Distribuição Warner Bros.
Lançamento Estados Unidos 15 de março de 1996
Idioma inglês
Orçamento US$55 milhões[3]
Receita US$122.1 milhões[3]
Site oficial

SinopseEditar

Um grupo de terroristas islâmicos sequestra um avião 747 da Oceanic Airlines, voando de Atenas para Washington, D.C., e ameaçam explodi-lo caso o governo americano não liberte seu líder. Mas David Grant (Kurt Russell) um analista civil da inteligência norte americana, descobre que o plano real dos terroristas é derrubar o avião sobre o local de destino do vôo, liberando um gás tóxico.[4] Assim, um comando liderado pelo tenente-coronel Austin Travis (Steven Seagal) é preparado para abordar a aeronave enquanto ela ainda não estiver no espaço aéreo norte-americano.[5]

ElencoEditar

ProduçãoEditar

No primeiro dia em que trabalharam juntos no filme, Seagal aproximou-se de seus colegas de elenco dizendo que ele era o líder e todos deveriam obedecê-lo. Leguizamo começou a gargalhar e Seagal, irritado, deu uma cotovelada no ator.[6]

RecepçãoEditar

Resposta críticaEditar

No Rotten Tomatoes, o filme tem uma taxa de aprovação de 65% com base em críticas de 40 críticos, com uma média de 6,02/10. O consenso do site afirma: "Executive Decision adere divertidamente à fórmula clássica de thriller de ação, provando que uma saída de gênero não precisa ganhar pontos para que a originalidade seja solidamente eficaz."[7] No Metacritic o filme tem uma taxa de aprovação de 62 de 100, baseado em críticas de 20 críticos.[8] O público pesquisado pelo CinemaScore deu ao filme uma nota média de "A-" em uma escala A+ para F.[9]

Leonard Maltin chamou de "um thriller tenso e inventivo" que precisava de mais edição.[10] Leonard Klady da Variety escreveu: "A lógica do filme pode ser um pouco rápida e solta, mas seu quociente de ação e excitação é de primeira linha."[11] Roger Ebert classificou-o como 3 de 4 estrelas, chamando-o de "uma gloriosa bagunça de um filme" mas elogiou a reviravolta do primeiro ato de matar o personagem interpretado por Seagal, então uma grande estrela de Hollywood.[12]

PremiaçõesEditar

Halle Berry ganhou um Blockbuster Entertainment Award de Atriz Favorita - Aventura/Drama por sua atuação no filme em 1997.

Steven Seagal ganhou uma indicação ao Framboesa de Ouro de pior ator coadjuvante por sua atuação no filme, mas perdeu para Marlon Brando por The Island of Dr. Moreau.[13]

Referências

  1. «Decisão Crítica». no CineCartaz (Portugal) 
  2. «Momento Crítico». no AdoroCinema 
  3. a b «Executive Decision». The Numbers. Consultado em 27 de setembro de 2014 
  4. https://www.cineclick.com.br/momento-critico
  5. http://www.adorocinema.com/filmes/filme-14607/
  6. «Astros e estrelas que brigaram durante as filmagens de 14 produções de Hollywood». Revista Monet. MidiaNews. 26 de outubro de 2017. Consultado em 21 de janeiro de 2021 
  7. «Executive Decision (1996)». Rotten Tomatoes. Consultado em 27 de setembro de 2014 
  8. «Executive Decision». Metacritic 
  9. «Cinemascore». Cópia arquivada em 20 de dezembro de 2018 
  10. Maltin, Leonard (2014). Leonard Maltin's 2015 Movie Guide. [S.l.]: Penguin Books. ISBN 9780698183612 
  11. Klady, Leonard (10 de março de 1996). «Review: Auds Likely to Decide in Favor of 'Executive'». Variety. Consultado em 27 de setembro de 2014 
  12. Ebert, Roger (15 de março de 1996). «Executive Decision». Chicago Sun-Times. Consultado em 27 de setembro de 2014 
  13. Wilson, John. «1996 Razzie Awards». Golden Raspberry Awards. Consultado em 27 de setembro de 2014. Cópia arquivada em 26 de abril de 2012 

Ligações externasEditar