Falta Alguém no Manicômio

Falta Alguém no Manicômio é um filme brasileiro de drama de 1949, escrito e dirigido por José Carlos Burle, a partir do argumento de Hélio do Soveral[1].

Falta Alguém no Manicômio
 Brasil
1948 •  pb •  
Gênero drama
Direção José Carlos Burle
Produção Atlântida Cinematográfica
Roteiro José Carlos Burle
História Hélio do Soveral
Elenco Oscarito
Modesto de Souza
Vera Nunes
Ruth de Souza
Música Sylvio Rabello
Cinematografia Edgar Brasil
Figurino Vera Nunes
Edição Waldemar Noya
Companhia(s) produtora(s) Atlântida Cinematográfica
Lançamento 23 de fevereiro de 1948 (bra)
Idioma português

Sinopse editar

Maria Luísa (Vera Nunes) se apaixona por um rapaz que conheceu em uma viagem de navio. Ao visitar sua família, porém, percebeu que alguns de seus parentes tinham problemas mentais. A situação piora quando o irmão de seu amado, interessado na menina, revela a ela que o irmão também sofreria de loucura, fazendo-a duvidar da sanidade do rapaz e de seu amor.

Elenco[2] editar

Referências

  1. «Falta Alguém no Manicômio». Cinemateca Brasileira. Consultado em 11 de fevereiro de 2022 
  2. «Falta Alguém no Manicômio». adorocinema.com. Consultado em 11 de fevereiro de 2022 

Ligações externas editar