Abrir menu principal

Francisco Lemos de Faria Pereira Coutinho

Francisco Lemos de Faria Pereira Coutinho
Nascimento 5 de abril de 1735
Nova Iguaçu
Morte 16 de abril de 1822 (87 anos)
Cidadania Brasil
Ocupação padre católico
Religião Igreja Católica

Francisco de Lemos de Faria Pereira Coutinho (Iguaçu, Rio de Janeiro, Brasil, 5 de abril de 173516 de abril de 1822). O Papa Clemente XIV, O rigoroso, nomeou-o para coadjutor do Bispo de Coimbra em setembro de 1773. Foi sagrado Bispo a 13 de abril de 1774 como bispo titular de Zenopolis in Lycia.

BiografiaEditar

Foi Reitor da Universidade de Coimbra de 1770 a 1779 e de 1799 a 1821.

Tornou-se no 52.º Bispo de Coimbra e consequentemente 17.º Conde de Arganil. Sucedeu a Dom Miguel da Anunciação tomando posse da diocese no dia 29 de agosto de 1779. Foi Bispo desta diocese até à sua morte, a 16 de abril de 1822.

Foi deputado brasileiro às Cortes de Lisboa pela Província do Rio de Janeiro.[1]

Era tio paterno de Henrique de Macedo Pereira Coutinho, 1.º Conde de Macedo.

Referências

  1. Manuel Emílio Gomes de Carvalho: Os Deputados Brasileiros nas Cortes de 1821. Brasília: Senado Federal, 1979. Página 57.


Precedido por
Gaspar de Saldanha e Albuquerque
Reitor da Universidade de Coimbra
1770 — 1779
Sucedido por
José Francisco Miguel António de Mendonça
Precedido por
Francisco Rafael de Castro
Reitor da Universidade de Coimbra
1799 — 1821
Sucedido por
Francisco de São Luís Saraiva
Precedido por
Miguel da Anunciação
  
Bispo de Coimbra-Conde de Arganil

1779 — 1822
Sucedido por
Frei Francisco de São Luís Saraiva