Abrir menu principal
Gastão Jacinto Gomes
Nascimento 1916
Franca
Morte 17 de novembro de 1979 (63 anos)
Rio de Janeiro
Ocupação Frade agostiniano, professor, psicólogo, sociólogo e filósofo

Gastão Jacinto Gomes (Franca, 14 de dezembro de 1916[1]Rio de Janeiro, 17 de novembro de 1979) foi um frade agostiniano, professor, psicólogo, sociólogo e filósofo brasileiro. Foi ordenado sacerdote em 18 de agosto de 1940 sendo o primeiro sacerdote brasileiro da ordem dos agostinianos.[2] Casado com Wanda de Oliveira Gomes após pedir licença de seus votos ao papa João XXIII.

BiografiaEditar

Dirigiu o Externato Santo Agostinho do Rio de Janeiro no Leblon, posteriormente denominado Colégio Santo Agostinho (Leblon).[3][4] Dirigiu o Colégio de Muqui - ES. Trabalhou como tradutor tendo traduzido inúmeros livros, entre eles "A Pesquisa na Psicologia Social", de Leon Festinger e Daniel Katz. Foi secretário geral da Cruz Vermelha Brasileira.[5][6] Representou a Cruz Vermelha em congressos na Europa e América do Sul. Trabalhou na Capelania militar como capelão da Força Expedicionária Brasileira (FEB) na Itália, durante a II Guerra Mundial.

Referências

  1. Osório Faleiros Rocha. «Atualização do livro dos faleiros» (PDF). Consultado em 19 de dezembro de 2018 
  2. Mendonça, Paulo Henriques de (1989). Muqui, cidade menina, 1850-1989. Vitória: Sagraf Artes Gráficas Ltda 
  3. Fundação do Colégio Santo Agostinho
  4. «Histórico da Era Agostiniana». Câmara Municipal de Muqui. Consultado em 19 de dezembro de 2018 
  5. «Brazilian Red Cross – Branch in the State of São Paulo Tradition in Medical-hospital Assistance». Brazilian Red Cross - São Paulo. Consultado em 20 de novembro de 2013 
  6. Assis, Chico de; Duarte, Jodeval; Gilvandro Filho; Tavares, Cristina; Jorge Neto, Nagib; Brandão, Glória (2015). Onde está meu filho?. Recife - PE: Cepe. ISBN 978-85-7858-347-7 

Ligações externasEditar