Gene Amdahl

Gene Myron Amdahl (Flandreau, 16 de novembro de 1922Palo Alto, 10 de novembro de 2015) foi um projetista de computadores e empreendedor no ramo da alta tecnologia, mais conhecido por seu trabalho com mainframes na IBM (International Business Machines) e posteriormente por suas próprias empresas, particularmente a Amdahl Corporation. Ele formulou a lei de Amdahl, que afirma uma limitação fundamental da computação paralela.

Gene Amdahl
Gene Amdahl discursando em um encontro de ex-alunos da Universidade de Wisconsin-Madison, 13 de Março de 2008
Lei de Amdahl
Nascimento 16 de novembro de 1922
Flandreau
Morte 10 de novembro de 2015 (92 anos)
Palo Alto
Residência Dakota do Sul
Nacionalidade estadunidense
Cidadania Estados Unidos
Cônjuge Marian Quissell
Alma mater
Ocupação físico, engenheiro, cientista de computação, empreendedor, empresário
Prêmios Prêmio W. Wallace McDowell (1976), Prêmio Memorial Harry H. Goode (1983), Prêmio Eckert–Mauchly (1987)
Empregador IBM
Obras destacadas Lei de Amdahl
Causa da morte pneumonia

Infância e educaçãoEditar

Amdahl nasceu de pais imigrantes de ascendência norueguesa e sueca em Flandreau, Dakota do Sul. Depois de servir na Marinha durante a Segunda Guerra Mundial, ele se formou em engenharia física na Universidade Estadual de South Dakota em 1948.

Ele passou a estudar física teórica na Universidade de Wisconsin-Madison com Robert G. Sachs.[1][2][3] No entanto, em 1950, Amdahl e Charles H. "Charlie" Davidson, um colega Ph.D. estudante do Departamento de Física, abordou Harold A. Peterson com a ideia de um computador digital.[4] Amdahl e Davidson ganharam o apoio de Peterson e do professor de engenharia elétrica Vincent C. Rideout, que os encorajou a construir um computador com seu design exclusivo.[5] Amdahl completou seu doutorado na Universidade de Wisconsin-Madison em 1952 com uma tese intitulada Um Design Lógico de um Computador Digital de Velocidade Intermediária e criando seu primeiro computador, o Wisconsin Integrally Synchronized Computer (artigo em inglês), WISC.[6] Ele então foi direto de Wisconsin para um cargo na IBM em junho de 1952. Gene Amdahl também é parente do ex-presidente da Suprema Corte de Minnesota Douglas K. Amdahl (artigo em inglês).

ReferênciasEditar

  1. Amdahl, Gene M. (1989). «Oral history interview with Gene M. Amdahl» (entrevista). Arthur L. Norberg. Charles Babbage Institute. hdl:11299/104341. OH 107. Consultado em 29 de dezembro de 2016 
  2. Amdahl, Gene M. (24 de setembro de 2000). «Amdahl, Gene oral history» (entrevista). William Aspray. Computer History Museum. CHM Ref: X5988.2011. Consultado em 15 de novembro de 2016 
  3. Anderson, William S. (2007). «An Interview with Gene M. Amdahl». IEEE Solid-State Circuits Society Newsletter. 12 (3): 10–16. ISSN 1098-4232. doi:10.1109/N-SSC.2007.4785613 
  4. «On the Death of Professor Emeritus Harold A. Peterson» (PDF). University of Wisconsin–Madison. 6 maio 2002. Faculty Document: 1643. Consultado em 29 de dezembro de 2016. Cópia arquivada (PDF) em 9 de dezembro de 2011 
  5. «On the Death of Professor Emeritus Charles H. Davidson» (PDF). University of Wisconsin–Madison. 4 maio 2009. Faculty Document: 2120. Consultado em 29 de dezembro de 2016. Cópia arquivada (PDF) em 9 de dezembro de 2011 
  6. Amdahl, Gene Myron (11 de outubro de 1951). A Logical Design of an Intermediate Speed Digital Computer (PDF) (Tese de Ph.D.). Madison, Wisconsin: The Library of the University of Wisconsin. OCLC 19918241. Consultado em 10 de novembro de 2016 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.