George Wallace

George Wallace
45° Governador do Alabama
Período 14 de janeiro de 1963
até 16 de janeiro de 1967
Antecessor John Malcolm Patterson
Sucessor Lurleen Wallace
Período 18 de janeiro de 1971
15 janeiro de 1979
Vice-governador Jere Beasley
Antecessor Albert Brewer
Sucessor Fob James
Período 17 de janeiro de 1983
19 de janeiro 1987
Antecessor Fob James
Sucessor H. Guy Hunt
Dados pessoais
Nome completo George Corley Wallace, Jr.
Nascimento 25 de agosto de 1919
Clio, Alabama
Morte 13 de setembro de 1998 (79 anos)
Montgomery, Alabama
Nacionalidade Norte-americano
Alma mater Universidade do Alabama
Cônjuge Lurleen Burns (c. 1943; m. 1968)
Cornelia Snively (c. 1971; div. 1978)
Lisa Taylor (c. 1981; div. 1987)
Filhos 4
Partido Partido Democrata
Partido Independente Americano (1968)
Religião Metodista
Profissão Advogado

George Corley Wallace Jr. (Clio, 25 de agosto de 1919Montgomery, 13 de setembro de 1998) foi um político estadunidense, Governador do Alabama e candidato à presidência em 1968.[1]

BiografiaEditar

Em 1937 ingressou na Universidade do Alabama, em Direito. Nesse ano morrem os seus pais. Combina os estudos com o boxe amador. Graduado em 1942, entra na Força Aérea para participar na Segunda Guerra Mundial em operações na Guerra do Pacífico. Em 1943, por doença, fica em grave perigo de morte e não continuará na tropa. Em 1946 é eleito pela primeira vez para o parlamento do Alabama nas fileiras do Partido Democrata, era pró-segregação racial.

Depois da sua derrota em 1958, é em 1962 eleito Governador do estado e recusa qualquer entendimento sobre a aplicação da política de direitos civis e anti-segregacionista. Em 14 de Janeiro de 1963 dirá a frase com que passará à história a propósito da segregação racial: "segregação agora e segregação sempre". Em 11 de junho do mesmo ano manifesta nos meios de comunicação nacionais a sua oposição à política de integração racial na Universidade do Alabama, pondo um repto ao então Presidente dos Estados Unidos da América, John Fitzgerald Kennedy, por ocasião da aplicação da ordem judicial que obrigava a Universidade a matricular e permitir a assistência às aulas de Vivian Malone e John Hood.

A sua atitude política leva-o a abandonar o Partido Democrata e a apresentar-se como candidato a Presidente dos Estados Unidos pelo Partido Independente Americano na eleição de 1968, ficando em terceiro lugar mas vencendo alguns estados do sudeste. Retorna ao Partido Democrata após sua derrota e em 1970 é eleito novamente Governador do Alabama. Na eleição de 1972, outra vez nas fileiras do Partido Democrata, mas afastou-se da disputa após sofrer uma tentativa de assassinato, tenta de novo de fazer a corrida presidencial e, ainda uma outra vez, para a eleição de 1976, sempre sem êxito.

Em 1979, pela primeira vez, arrepende-se em público das suas atitudes racistas, enviando cartas a diferentes líderes americanos de direitos civis. Foi eleito de novo Governador em 1982. Em 1992, afirmou que votou no Partido Republicano para a presidência, pela primeira vez na vida, o fazendo novamente em 1996. Segundo Wallace, Bill Clinton era "liberal [de esquerda] demais". Ainda em 1992, seu filho, George Jr, se filiou aos Republicanos.[2]

Nos últimos anos da vida, sua saúde passou a sofrer, ficando surdo e sendo acometido da Doença de Parkinson.[2] Wallace faleceu em 1998, aos 79 anos, de choque séptico. Ele foi enterrado no Cemitério Greenwood, em Montgomery (Alabama).[3]

Ver tambémEditar

Referências

  1. Peggy Wallace Kennedy (3 de dezembro de 2019). The Broken Road: George Wallace and a Daughter's Journey to Reconciliation. [S.l.]: Bloomsbury Publishing. ISBN 9781635573657 
  2. a b «Wallace backs Bob Dole for president». The Gadsden Times. Consultado em 27 de setembro de 2017 
  3. Cornwell, Rupert (15 de setembro de 1998). «Obituary: George Wallace». The Independent. Consultado em 23 de agosto de 2019 
Precedido por
John Malcolm Patterson
Governador do Alabama
19631967
Sucedido por
Lurleen Wallace
Precedido por
Albert Brewer
Governador do Alabama
19711979
Sucedido por
Fob James
Precedido por
Fob James
Governador do Alabama
19831987
Sucedido por
H. Guy Hunt