Gordon Smiley
Informações pessoais
Nome completo Gordon Eugene Smiley
Nacionalidade norte-americano
Nascimento 20 de abril de 1946
Omaha, Nebraska
Morte 15 de maio de 1982 (36 anos)
Speedway, Indiana
Registros na Champ Car
Temporadas 1980–1982
Equipes 3 (Patrick Racing, Bob Fletcher Racing e Rhoades Competition)
Corridas 8 (7 largadas)
Títulos 0 (33º em 1980)
Vitórias 0
Pódios 0
Pontos 189
Pole positions 0
Primeira corrida Estados Unidos GP de Ontario, 1980
Última corrida Estados Unidos GP de Atlanta, 1982

Gordon Eugene Smiley (Omaha, 20 de abril de 1946Speedway, 15 de maio de 1982) foi um automobilista dos Estados Unidos.[1][2]

BiografiaEditar

Disputou sua primeira prova de automobilismo aos 19 anos de idade, e nas categorias que disputou (SCCA Fórmula Ford, Fórmula Atlantic, Fórmula 1000, Can-Am, Fórmula 5000 e Fórmula Super Vee), estabeleceu 25 recordes de pista em uma temporada da SCCA National Chaapionship, onde foi campeão 4 vezes antes de se profissionalizar em 1974, quando já tinha 28 anos.

Em 1979, Smiley participou de 11 etapas do Campeonato Britânico de Fórmula 1, vencendo uma vez, em Silverstone, pilotando por duas equipes (Melchester Racing, usando um Tyrrell 008 e um McLaren M23, e Surtees). Esta foi a última vez que um piloto norte-americano venceu uma prova sancionada pela FIA.

CARTEditar

Na CART, Smiley estreou em 1980 pela Patrick Racing, onde participou de 2 provas. Voltou somente nas últimas etapas, desta vez pilotando um Penske-Cosworth da Bob Fletcher Racing. Foram 176 pontos na classificação geral, terminando em 33º lugar.[3] Em 1981, representou a Rhoades Competition em 3 corridas, obtendo apenas 8 pontos.[4] Em 1982, disputou apenas o GP de Atlanta, onde chegou em 9º lugar.

O acidente fatalEditar

Em 15 de maio de 1982, Smiley deixou os boxes do Indianapolis Motor Speedway com o objetivo de conquistar a pole-position para a 66ª edição das 500 Milhas (disputou as edições de 1980 e 1981, onde chegou a liderar por uma volta) e ser o primeiro piloto a superar as 200 milhas, chegando a alcançar 196 na primeira volta de classificação. Durante a segunda tentativa de volta rápida, seu carro escapa de traseira na curva 3 e Smiley corrige, porém o March de número #35 perde o controle e bate violentamente no muro, matando o piloto na hora.[5]

Steve Olvey, em sua biografia "Rapid Response: My Inside Story as a Motor Racing Life-Saver", descreveu o acidente da seguinte forma:

A morte de Smiley foi a primeira de um piloto nas 500 Milhas de Indianápolis desde Art Pollard e Swede Savage, que faleceram em 1973, e até hoje o último a morrer durante um treino de classificação.

Referências

  1. Estatísticas de Gordon Smiley - DriverDB (em inglês)
  2. «Gordon Smiley». www.myf5000.com. Consultado em 22 de outubro de 2018 
  3. «Driver Gordon Smiley 1980 CART Results». www.racing-reference.info. Consultado em 22 de outubro de 2018 
  4. «Driver Gordon Smiley 1981 USAC Gold Crown Series Results». www.racing-reference.info. Consultado em 22 de outubro de 2018 
  5. «Historical Motorsports Stories: Drivers' Reactions to Gordon Smiley Crash». www.racing-reference.info. Consultado em 22 October 2018  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)

Ligações externasEditar