Híbrido (mitologia)

criaturas mitológicas fruto da combinação de partes do corpo de mais de uma espécie real

Híbridos são criaturas mitológicas fruto da combinação de partes do corpo de mais de uma espécie real[1] que aparecem nas religiões e no folclore de várias culturas como criaturas lendárias.[2][3]

Teseu combatendo o Minotauro, mármore, 1826, Jardins das Tulherias, Paris.

DescriçãoEditar

Os motivos dessas formas aparecem em várias culturas em muitas mitologias ao redor do mundo. Esses híbridos podem ser classificados como híbridos parcialmente humanos (como sereias ou centauros) ou híbridos não humanos combinando duas ou mais espécies animais não humanas (como o grifo ou a quimera). Os híbridos freqüentemente se originam como divindades zoomórficas que, com o tempo, ganham um aspecto antropomórfico.[4]


Referências

  1. Steiger, B. (1999). The Werewolf Book: The Encyclopedia of Shape-Shifting Beings. Farmington Hills, MI: Visible Ink. ISBN 1-57859-078-7 
  2. «The Book of Enoch, Chapters 1-60». reluctant-messenger.com. Consultado em 6 de setembro de 2019 
  3. Parrick, Jake (23 de agosto de 2016). «The Nephilim | Human-Angel Hybrids». The Atlantis Project (em inglês). Consultado em 6 de setembro de 2019 
  4. Yumpu.com. «Zoomorfismo e Hibridismo Humano-Animal na Ficção ... - Abralic». yumpu.com. Consultado em 2 de janeiro de 2022 
  Este artigo sobre mitologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.