Hannah Lux Davis

Hannah Lux Davis (Bellevue, 17 de maio de 1986) é uma diretora de vídeo americana conhecida por trabalhar com artistas como Ariana Grande, Nicki Minaj, David Guetta, Christina Aguilera, Demi Lovato, Hailee Steinfeld, Kacey Musgraves, Fifth Harmony, Little Mix, Jessie J, Anne-Marie, Halsey, Bebe Rexha e Lil Wayne.[1]

Hannah Lux Davis
Davis em 2015
Nascimento Hannah Lux Davis
17 de maio de 1986 (36 anos)
Bellevue, Washington
Estados Unidos
Nacionalidade norte-americana
Etnia branca
Alma mater Los Angeles Film School
Ocupação
Período de atividade 2006—presente
Outros
Página oficial
www.hannahluxdavis.com

BiografiaEditar

Davis nasceu e cresceu em Bellevue, Washington.[2] No ensino médio, ela foi diagnosticada com exoforia, o que prejudicou sua capacidade de ler e escrever.[1] Deixou Seattle para Los Angeles aos 18 anos, onde se matriculou na New York Film Academy e na Los Angeles Film School um ano depois. Para seus projetos finais, ela fez vídeos musicais e decidiu seguir uma carreira nesta indústria. Davis se formou na Los Angeles Film School em 2006 e participou da produção de vídeos musicais.[3] Ela trabalhou por um tempo como maquiadora depois de participar da Cinema Makeup School para entrar nos sets de videoclipes, comerciais e longas-metragens, e começou a fazer videoclipes em seu tempo livre, pagando de seus próprios bolsos os orçamentos.[1] O primeiro vídeo que ela recebeu para dirigir foi para Twin Atlantic em 2010.[2] Ela fez referência a Floria Sigismondi e Sophie Muller como duas de suas influências.[4]

Prêmio e indicaçõesEditar

Ano Categoria Trabalho indicado Resultado Ref.
2013 Prêmio MTV Video Music de Melhor Vídeo de Hip-Hop “Love Me” de Lil Wayne (participação de Drake & Future) Venceu [5]
2014 Prêmio MTV Video Music de Melhor Vídeo de Artista Revelação "Miss Movin' On" de Fifth Harmony Venceu
2015 Prêmio MTV Video Music de Melhor Colaboração "Bang Bang" de Jessie J, Ariana Grande & Nicki Minaj Indicado [6]
"Love Me Harder" de Ariana Grande & The Weeknd Indicado
2016 Prêmio MTV Video Music de Melhor Vídeo Feminino "Into You" de Ariana Grande Indicado [7]
Prêmio MTV Video Music de Melhor Vídeo Pop Indicado
Prêmio MTV Video Music de Melhor Edição Indicado
Prêmio MTV Video Music de Melhor Cinematografia Indicado
2017 Prêmio iHeartRadio Music de Melhor Vídeo "Side to Side" de Ariana Grande (participação Nicki Minaj) Indicado [8][9]
Prêmio MTV Video Music de Melhor Coreografia Indicado [10]
2019 Prêmio MTV Video Music de Melhor Direção thank u, next” de Ariana Grande Pendente [11]
Prêmio MTV Video Music de Melhor Edição 7 rings” de Ariana Grande Pendente

Referências

  1. a b c Wisel, Carlye (25 de fevereiro de 2015). «Meet Hannah Lux Davis, the 28-Year-Old Director Ruling the Music Video World». Racked. Consultado em 19 de agosto de 2015 
  2. a b Wood Rudulph, Heather (15 de agosto de 2016). «Get That Life: How I Became a Music Video Director». Cosmopolitan. Consultado em 3 de março de 2019 
  3. «Miley Cyrus, Lil' Wayne Music Video Director Celebrates Recent Win At The 2014 VMA's». PR Newswire. 9 de setembro de 2014. Consultado em 19 de agosto de 2015 
  4. Shaffer, Claire (13 de novembro de 2018). «'Breathin' Director Hannah Lux Davis on the 'Wild West' of Music Videos and Working With Ariana Grande: 'I'm in Awe of Her'». Billboard. Consultado em 20 de janeiro de 2019 
  5. «Awards». London Alley. Consultado em 11 de setembro de 2015 
  6. «2015 VMA Nominations: Get The Full List Now». Consultado em 11 de setembro de 2015 
  7. «Beyonce Rules MTV Video Music Awards Nominations». Consultado em 26 de julho de 2016 
  8. «2017 iHeartRadio Music Awards: Complete List of Nominations». E! Online. 3 de janeiro de 2017 
  9. Thorpe, Isha (5 de março de 2017). «Here's The Complete List Of #iHeartAwards Winners». iHeartRadio. Consultado em 5 de março 2017 
  10. Fekadu, Mesfin (25 de julho de 2017). «Kendrick Lamar is leader of MTV VMAs with 8 nominations». Associated Press. Consultado em 29 de julho de 2017 
  11. «ARIANA, TAYLOR, BILLIE, AND LIL NAS X LEAD YOUR 2019 VMA NOMINATIONS». MTV Press. 23 de julho de 2019. Consultado em 23 de julho de 2019 

Ligações externasEditar