Abrir menu principal

Henri Delaunay

futebolista francês
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde fevereiro de 2011).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Henry Delaunay
Nome completo Henry Delaunay
Nascimento 15 de junho de 1883
Paris, França
Morte 9 de novembro de 1955 (72 anos)
Ville-d'Avray, França
Nacionalidade Francês
Ocupação dirigente de futebol

Henri Delaunay' (Paris, 15 de junho de 1883 - Ville-d'Avray, 9 de novembro de 1955) foi um dirigente de futebol francês.

Depois de jogar pela equipe de Paris, Étoile des Deux Lacs, tornou-se árbitro. Aposentou-se após um incidente durante um jogo entre a AF-Garenne Doves e ES Bienfaisance, quando ele engoliu o apito e quebrou dois dentes ao ser golpeado no rosto por uma bola.

Ele começou sua carreira como dirigente em 1906, quando se tornou presidente da Étoile des Deux Lacs, então secretário-geral do Comité Francês Interfederal (CFI), o ancestral da Federação Francesa de Futebol. Quando o CFI se tornou a Federação Francesa de Futebol em 1919, ele permaneceu como secretário-geral.

Como membro da FIFA, ele participou do conselho como suplente de 1924 a 1928. Junto de Jules Rimet, ele arquitetou o início da Copa do Mundo. Ele também foi um defensor precoce da Copa dos Campeões da Europa, já em 1920.

Ele foi o grande responsável pela criação do Campeonato Europeu de Futebol, o troféu que leva seu nome por ele ter proposto pela primeira vez a edição em 1927, mas o primeiro torneio só aconteceu em 1960. Também almejava que este campeão disputasse um título com o campeão americano. Sendo assim, no mesmo ano da primeira disputa europeia, a Confederação Sul-Americana de Futebol criou uma competição continental e a batizou de Copa Libertadores da América, numa homenagem aos heróis da independência dos países sul-americanos. Tal torneio ficou conhecido como Copa Intercontinental e, no Brasil, também era chamado de Torneio Mundial Interclubes.

Ele foi secretário-geral da UEFA desde a sua fundação em 15 de junho de 1954 até sua morte, em 1955, sendo sucedido como chefe da UEFA por seu filho, Pierre Delaunay.

Ligações externasEditar