Amimone

(Redirecionado de Hipernestra)

Na Mitologia grega, Amimone, ("sem-culpa"), é uma das cinquenta filhas de Dânao, e uma das Danáides. O nome de sua mãe era Europa, uma rainha, e suas irmãs (por parte de pai e mãe) eram Automate, Agave e Ésceas.[1]

É algumas vezes identificada com Hipernestra ("grande casamento"). Apolodoro e Higino, no entanto, mencionam ambas nas suas listas de filhas de Dânao.

Argos sofreu uma seca, porque Posídon havia secado os poços após Ínaco ter testemunhado que a terra pertencia a Hera.[2] Dânao enviou suas filhas para trazerem água,[2] ou, segundo Higino, ele enviou Amimone para trazer água para o ritual sagrado.[3] Durante a sua busca, Amimone se cansou e dormiu, e foi atacada por um sátiro que tentou violá-la.[3] ou ela atirou um dardo em um cervo e acertou um sátiro que dormia, e este tentou violentá-la.[2] Pediu então auxílio a Posídon,[2][3] que apareceu e atingiu o sátiro com seu tridente.[3] Este, para a seduzir e possuí-la, fez jorrar uma fonte de água com o seu tridente, formando um lago chamado Lerna [3] ou primeiro ela se deitou com o deus, e depois ele mostrou as nascentes de Lerna.[2] Desta união nasceu Náuplio.[3][1]

Casou com *Midano,[Nota 1][4] ou Encelado [1] na festa em que os cinquenta filhos de Egito se casaram com as cinquenta filhas de Dânao, irmão de Egito, e, junto com quarenta e nove de suas irmãs, matou o marido; apenas Hipermnestra poupou o marido Linceu.[5][1]

Depois da morte de Dânao, suas filhas se casaram com homens de Argos.[4]

Notas e referências

Notas

  1. O texto de Higino está truncado

Referências

  1. a b c d Pseudo-Apolodoro, Biblioteca, 2.1.5
  2. a b c d e Pseudo-Apolodoro, Biblioteca, 2.1.4
  3. a b c d e f Higino, Fabulae, CLXIX-A, Amimone
  4. a b Higino, Fabulae, CLXX, As filhas de Dânao, e quem elas mataram
  5. Higino, Fabulae, CLXVIII, Danao