Abrir menu principal

Wikipédia β

Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde maio de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Holden (desambiguação).

Holden, conhecida formalmente como General Motors Holden, é uma marca de automóveis australiana com sede em Porto Melbourne, Victoria. A empresa era originalmente independente, mas desde 1931 é uma subsidiária da General Motors. Assumiu as operações da General Motors na Austrália e tem uma participação parcial na GM Daewoo na Coreia do Sul. Ao longo dos anos, a Holden ofereceu uma ampla gama de veículos produzidos localmente, complementados por modelos importados da General Motors. No passado, ofereceu modelos da Isuzu, Nissan, Suzuki e Toyota com sua marca.

Holden
HoldenLogo2.PNG
Tipo Subsidiária
Indústria Automobilística
Fundação 1856
Sede Porto Melbourne, Victoria,  Austrália
Locais Austrália e Nova Zelândia
Produtos Automóveis
Website oficial holden.com.au

As carrocerias da Holden são fabricadas em Elizabeth, Austrália Meridional e os motores são produzidos na fábrica de Fishermens Bend em Porto Melbourne. Historicamente, as fábricas de montagem e produção operaram em todos os estados da Austrália. Até 1990, a subsidiária da GM Holden na Nova Zelândia operava uma fábrica com sede em Trentham. A consolidação da produção de automóveis em Elizabeth foi concluída em 1988, mas algumas operações de montagem continuaram em Dandenong até 1996.

Embora a participação da Holden nas exportações de automóveis tenha oscilado desde 1950, o declínio nas vendas de carros grandes na Austrália levou a empresa a olhar para os mercados internacionais para aumentar a lucratividade. Em 2006, a Holden registrou lucro de 1,3 bilhão de dólares em exportações.

No entanto, desde 2010, a Holden registrou perdas devido ao forte dólar australiano. O governo do primeiro-ministro Tony Abbott terminou com os subsídios da indústria em 2014, na ordem de 23 bilhões de dólares entre 1997 e 2012. Em 11 de dezembro de 2013, a Holden anunciou que cessará a produção de veículos e motores no final de 2017. A empresa continuará a ter presença na Austrália como importadora e vendedora de automóveis.

Ver tambémEditar

  Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  Este artigo sobre automóveis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.