Abrir menu principal

ibne Calube (Ibn Kallub) foi um oficial abássida do século IX, ativo durante o califa Almutadide (r. 892–902). Aparece pela primeira vez em 897, quando participou na campanha de Ragibe no Império Bizantino e ajudou na captura de Curra (Corone), na Capadócia.[1] Reaparece em 900, quando estava em campanha em Adata (Darbe Alçalama). Ao retornar para Tarso, reuniu os anciãos das cidades fronteiriças com o Império Bizantino (tugur) na Cilícia para que decidissem quem seria o novo emir tarsense. Eles escolheram Ali ibne Alárabe, que foi colocado no comando após alguma oposição do filho de Abu Tabite, o antigo emir. O filho de Abu Tabite afirmou que seu pai nomeou-o para tomar seu lugar e reuniu algumas pessoas para lutar com a população local, até ibne Calube intervir.[2]

Referências

BibliografiaEditar

  • Lilie, Ralph-Johannes; Ludwig, Claudia; Zielke, Beate et al. (2013). «Ibn Kallūb». Prosopographie der mittelbyzantinischen Zeit Online. Berlim-Brandenburgische Akademie der Wissenschaften: Nach Vorarbeiten F. Winkelmanns erstellt 
  • Tabari; Rosenthal, Franz (1985). The History of al-Tabari, Vol. XXXVIII: The Return of the Caliphate to Baghdad. Albânia, Nova Iorque: State University of New York Press. ISBN 0-87395-876-4