Abrir menu principal
Ragibe
Nacionalidade Califado Abássida Califado Abássida
Ocupação General e almirante

Ragibe foi um oficial eunuco abássida[1] do século IX, ativo durante o reinado do califa Almutadide (r. 892–902). Conduziu uma revolta pró-abássida em Tarso e fez duas dexpedições militares contra o Império Bizantino, conseguindo capturar territórios e prisioneiros.

VidaEditar

Ragibe era um escravo libertado (maula) pelo regente Almuafaque (r. 870–891). Ele aparece pela primeira vez em 892, quando seu pagem Macnune teve um conflito com Maomé ibne Muça ibne Tulune, o emir de Tarso em nome do emir tulúnida Chumarauai (r. 884–896) do Egito. Segundo Tabari, na ocasião, Ragibe estava em Alepo e atendeu Tugeje ibne Jufe, que informou-lhe que Chumarauai queria vê-lo. Ragibe enviou cinco pagens com uma carta ao emir, enquanto enviou para Tarso Macnune com todas as suas forças, fundos e armas disponíveis. Tugeje então escreveu uma carta para Maomé ibne Muça informando que os bens de Ragibe estavam em posse de Macnune e que Ragibe estava a caminho da cidade, bem como que quando o pagem chegasse na cidade deveria ser capturado e os bens consigo deveriam ser confiscados. Ao fazê-lo, entretanto, Maomé ibne Muça atraiu a fúria da população local, que libertou o pagem e exigiu do emir que ele fosse substituído.[2]

Em 897, Ragibe liderou uma revolta pró-abássida em Tarso, causando a queda de Damião e seu braço direito, Iúçufe Albaguemardi.[3] No mesmo ano, fez uma campanha contra o Império Bizantino e conquistou com ibne Calube o assentamento de Curra (Corone), na Capadócia. Em 898/899, velejou contra os bizantinos, capturando inúmeros navios inimigos e decapitando 3 000 tripulantes prisioneiros do Tema Cibirreota.[1] Após queimar os navios, conquistou várias fortalezas e finalmente retornou ao território árabe. Segundo Tabari, a notícia da expedição bem-sucedida chegou aos ouvidos do califa Almutadide no xabã daquele ano.[4]

Referências

  1. a b Tougher 1997, p. 185–186.
  2. Tabari 1987, p. 177.
  3. Tabari 1985, p. 41.
  4. Lilie 2013.

BibliografiaEditar

  • Lilie, Ralph-Johannes; Ludwig, Claudia; Zielke, Beate et al. (2013). «Rāġib». Prosopographie der mittelbyzantinischen Zeit Online. Berlim-Brandenburgische Akademie der Wissenschaften: Nach Vorarbeiten F. Winkelmanns erstellt 
  • Tabari (1987). Fields, Philip M., ed. History of al-Tabari Vol. 37, The: The 'Abbasid Recovery: The War Against the Zanj Ends A.D. 879-893/A.H. 266-279. Albânia, Nova Iorque: State University of New York Press 
  • Tabari; Rosenthal, Franz (1985). The History of al-Tabari, Vol. XXXVIII: The Return of the Caliphate to Baghdad. Albânia, Nova Iorque: State University of New York Press. ISBN 0-87395-876-4 
  • Tougher, Shaun (1997). The Reign of Leo VI (886-912): Politics and People. Leida, Países Baixos: Brill. ISBN 978-9-00-410811-0