Abrir menu principal
Suécia Jönköping

Cidade da Suécia

Sede de município
Capital de condado

 
  Cidade  
Kollagejönköping.jpg
Brasão de armas de Jönköping
Brasão de armas
Jönköping está localizado em: Suécia
Jönköping
Coordenadas 57° 46' 58" N 14° 9' 38" E
Região Gotalândia
Província Småland vapen.svg Småland
Condado Jönköping län vapen.svg Jönköping
Comuna Jönköping
Fundação 1284
População (2017)
 - Total 96 104
Sítio www.jonkoping.se
Jönköping
Jönköping

Jönköping (por vezes grafada Jonkoping em textos portugueses) ou Ionecopinga[1] (em sueco: Jönköping; pronúncia aproximada iên-chêping; latinizado: Junecopia, Jenecopia) é uma cidade sueca localizada no centro-sul do país, na província de Småland, às margens do Lago Veter. Décima maior cidade da Suécia, a sua região metropolitana conta com 96 104 (2017) habitantes.[2] É a capital (residensstad) do condado de Jönköping.[3]

Jönköping foi fundada há mais de mil anos e teve uma importância significativa no processo de industrialização e desenvolvimento comercial sueco, favorecido pela sua localização entre as rotas rodoviárias e ferroviárias que ligam a costa do Mar do Norte à capital Estocolmo, no Mar Báltico. Possui uma universidade, a Universidade de Jönköping (em sueco: Högskolan i Jönköping).

Índice

Etimologia e usoEditar

O nome geográfico Jönköping deriva das palavras nórdicas June (o nome de um riacho) e köping (local de comércio). Num texto em latim de 1278, Jönköping está mencionada como castro Junaköpung. Em textos em português costuma ser usada a forma original Jönköping ou a forma transliterada Jonkoping, e raramente Ionecopinga.[4][5][6][7][8]

Pontos turísticosEditar

Os destinos mais procurados atualmente são: [9]

  • Museu do Condado de Jönköping (Jönköpings läns museum)
  • Museu do Fósforo (Tändsticksmuseet)
  • Museu da Fábrica de Husqvarna (Husqvarna fabriksmuseum)

PersonalidadesEditar

Cidade natal de Agnetha Fältskog, cantora, pianista e compositora que conquistou fama mundial como integrante do grupo pop ABBA.

Referências

  1. Fernandes, Ivo Xavier (1941). Topónimos e Gentílicos. I. Porto: Editora Educação Nacional, Lda. 
  2. http://www.scb.se/hitta-statistik/statistik-efter-amne/befolkning/befolkningens-sammansattning/befolkningsstatistik/pong/tabell-och-diagram/kvartals--och-halvarsstatistik--kommun-lan-och-riket/kvartal-3-2016/
  3. Ernby, Birgitta; Martin Gellerstam, Sven-Göran Malmgren, Per Axelsson, Thomas Fehrm (2001). «Jönköping». Norstedts första svenska ordbok (em sueco). Estocolmo: Norstedts ordbok. p. 291. 793 páginas. ISBN 91-7227-186-8 
  4. Wahlberg, Mats (2003). «Jönköping». Svenskt ortnamnslexikon (Dicionário dos nomes das localidades suecas) (em sueco). Uppsala: Språk- och folkminnesinstitutet e Institutionen för nordiska språk vid Uppsala universitet. p. 164. 422 páginas. ISBN 91-7229-020-X 
  5. «Jonköpng» (em sueco). Nationalencyklopedin – Enciclopédia Nacional Sueca. Consultado em 11 de julho de 2018. 
  6. Agência Lusa. «Gastão Elias eliminado na segunda ronda do torneio de Jonkoping». OBSERVADOR. Consultado em 11 de julho de 2018. 
  7. «Sueca é presa em aeroporto do RN com cocaína escondida em escovas». Folha de São Paulo. Consultado em 11 de julho de 2018. 
  8. Catharina Ingelman-Sundberg. em%20j%C3%B6nk%C3%B6ping&f=false «Prenda-me, por favor». Google Books. Consultado em 11 de julho de 2018. 
  9. OTTOSSON, Mats e OTOSSON, Åsa; HANNEBERG, Peter e MISKI-TÖRÖK, Agnes (2008). «Småland». Upplev Sverige (em sueco). Estocolmo: Wahlström & Widstrand. 288 páginas. ISBN 978-91-46-21599-8 

Ver tambémEditar


  Este artigo sobre Geografia da Suécia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.