Abrir menu principal
Jonathan Zittrain
Nascimento 24 de dezembro de 1969 (49 anos)
Nacionalidade Americano
Alma mater Yale University, Harvard Law School, John F. Kennedy School of Government
Ocupação Professor
Empregador Harvard University
Página oficial
futureoftheinternet.org/blog/
cyber.law.harvard.edu/people/jzittrain

Jonathan L. Zittrain (24 de dezembro de 1969) é um professor americano de Direito da Informática na Harvard Law School e na Harvard Kennedy School of Government e de Ciência da Computação na Harvard School of Engineering and Applied Sciences. Ele é autor do livro The Future of the Internet and How to Stop It, além de co-editor dos livros, Access Denied (MIT Press, 2008), Access Controlled (MIT Press, 2010), and Access Contested (MIT Press, 2011), resultantes da Iniciativa OpenNet e de uma série de estudos sobre a filtragem de conteúdos na Internet realizada por governos.[1]

Seus interesses de pesquisa incluem como disputas pelo controle de propriedades e conteúdos digitais, criptografia, privacidade digital, segurança de computadores, uso de tecnologia na educação e os papéis dos intermediários na arquitetura da Internet.[1] Como efeito do seu engajamento nestas áreas e causas, Zittrain é co-fundador das iniciativas StopBadware, uma organização sem fins lucrativos que busca tornar a Web mais segura a partir da prevenção e correção de websites que utilizam malwares,[2][3] e ChillingEffects, um acervo digital e colaborativo criado para proteger atividades online lícitas de ameaças jurídicas.[4][5]

Índice

BiografiaEditar

FamíliaEditar

Zittrain é filho dos advogados Ruth A. Zittrain e Lester E. Zittrain.[6] Sua irmã, Laurie Zittrain Eisenberg, é uma estudiosa dos conflitos árabes e israelenses e leciona na Universidade Carnegie Mellon, e seu irmão, Jeff Zittrain, é um músico.

EducaçãoEditar

Zittrain se formou em 1987 na Shady Side Academy, uma escola privada de Pittsburgh, na Pensilvânia.[7] Em 1991, ele obteve um grau de bacharel em Ciências Cognitivas e Inteligência Artificial pela Universidade de Yale. Em 1995, Zittrain obteve um J.D. pela Harvard Law School e um Mestrado de Administração Pública pela Harvard Kennedy School of Government.[8][9]

CarreiraEditar

Em setembro de 2005, Zittrain se juntou à equipe da Universidade de Oxford no Reino Unido, ocupando a Cadeira de Governça na Internet e Regulamentações (do inglês, Internet Governance and Regulation), sendo um dos diretores do Oxford Internet Institute e Professor Associado na Keble College, desenvolvendo interesses em ciência da computação e políticas públicas.[10] Neste mesmo período, nos Estados Unidos, Zittrain também era um Professor Visitante para Estudos Jurídicos Empresariais (Entreprenurial Legal Studies) na Harvard Law School, além de diretor e fundador, juntamente com Charles Nesson do Berkman Center for Internet & Society. Em 2007, Zittrain foi um Professor Visitante na Stanford University.[11] Zittrain também foi um Professor Visitante na New York University School of Law in Manhattan em 2008. Em 2009, Zittrain foi eleito para o conselho de administração da Internet Society para um mandato de quatro anos.[12] Em fevereiro de 2011, ele se juntou ao conselho da Electronic Frontier Foundation.[13] Em maio de 2012 ele foi feito presidente do Open Internet Advisory Committee da Federal Communications Commission.[14]

ProjetosEditar

Em 2001, Zittrain fundou a Chilling Effects, em conjunto com seus alunos, incluindo o seu idealizador e líder Wendy Seltzer. Os ativistas fundadores desta organização estavam preocupados com a prática privada e desregulada do envio de cartas cease and desist, que estava aumentando e criando um "efeito congelante" (do inglês, chilling effect) não estudado, mas potencialmente significante, na liberdade de expressão.[15] A partir de 2002, pesquisadores têm utilizado este acervo para estudar a utilização de cartas cease and desist, principalmente nas notificações de remoção da DMCA, assuntos de copyright e marca registrada.[16][17]

Em 2006, Zittrain e John Palfrey fundaram a organização StopBadware, enquanto eles estavam no Oxford Internet Institute.[18] O foco atual da organização é combater malwares, trabalhando para fortalecer o ecossistema da Web. Para isso, algumas das atividades da organização incluem manter um acervo de websites com malwares e agir como um revisor independente de websites em "listas negras".[19] A organização também mantém um fórum, o BadwareBusters.org, onde é possível que usuários da rede reportem URLs que possuem malwares.[20] A StopBadware é apoiada e financiada por empresas como Google, Mozilla, PayPal, Qualys, Verisign, Verizon e Yandex.[21]

The Future of the Internet--And How to Stop ItEditar

Publicado em 2008, este livro "explica o mecanismo que catapultou a Internet à ubiquidade" e aponta os riscos que a Internet corre. O livro também propõe soluções para os problemas que apresenta, mostrando como desenvolver tecnologias e estruturas sociais que permitam que os usuários trabalhem de forma criativa e colaborativa para criar soluções, tomando como base o exemplo da Wikipedia. O próprio livro é um "experimento colaborativo, que dependerá da participação iteligente dos leitores para funcionar".[22] O livro está disponível online sob a licença Creative Commons Attribution Non-Commercial Share-Alike 3.0 license.

Publicações relevantesEditar

  • Deibert, Ronald J., John G. Palfrey, Rafal Rohozinski, Jonathan Zittrain (Eds.) (29 de fevereiro de 2008). Access Denied: The Practice and Policy of Global Internet Filtering. [S.l.]: MIT Press. ISBN 0-262-54196-3 
  • Zittrain, Jonathan (14 de abril de 2008). The Future of the Internet and How to Stop It. [S.l.]: Yale University Press. ISBN 0-300-12487-2  (online book)
  • Zittrain, Jonathan (primavera de 2006). «A History of Online Gatekeeping» (PDF). Harvard Law School. Harvard Journal of Law and Technology. 19 (2): 253. Consultado em 20 de abril de 2008 
  • Zittrain, Jonathan L. (maio de 2006). «The Generative Internet». The Harvard Law Review Association. Harvard Law Review. 119: 1974. Consultado em 20 de abril de 2008 [ligação inativa] 
  • Frieder, Laura and Zittrain, Jonathan (14 de março de 2007). «Spam Works: Evidence from Stock Touts and Corresponding Market Activity». Berkman Center Research Publication No. 2006-11. SSRN 920553  
  • Zittrain, Jonathan (2006). «Searches and Seizures in a Networked World». The Harvard Law Review Association. Harvard Law Review Forum. 83. Consultado em 15 de janeiro de 2013 
  • Zittrain, Jonathan (inverno de 2004). «Normative Principles for Evaluating Free and Proprietary Software». The University of Chicago Law School via SSRN. University of Chicago Law Review. 71 (1). Consultado em 20 de abril de 2008 

ReferênciasEditar

  1. a b «Jonathan Zittrain». Consultado em 27 de fevereiro de 2015 
  2. Zittrain, Jonathan (14 de abril de 2008). The Future of the Internet--And How to Stop It. [S.l.]: Yale University Press. pp. 159–161. ISBN 0-300-12487-2 
  3. «StopBadware.org Frequently Asked Questions». StopBadware.org. Consultado em 16 de abril de 2008 
  4. «Jonathan Zittrain». TechWeb and O'Reilly Media. Consultado em 21 de abril de 2008 
  5. «About Us». Chilling Effects. Consultado em 30 de novembro de 2008. Arquivado do original em 3 de junho de 2002 
  6. Zittrain, Jonathan L. and Jennifer K. Harrison (15 de agosto de 2004). The Torts Game: Defending Mean Joe Greene. [S.l.]: Aspen Publishers via Amazon Online Reader. xiv. ISBN 0-7355-4509-X. Consultado em 18 de abril de 2008 
  7. «School Calendar». Shady Side Academy. Consultado em 16 de abril de 2008. Arquivado do original em 19 de julho de 2011 
  8. «Speaker Bio». Province of British Columbia. Consultado em 16 de abril de 2008. Arquivado do original em 31 de outubro de 2006 
  9. «Jonathan Zittrain». The Connecticut Forum. Consultado em 27 de abril de 2012 
  10. «Professor Jonathan Zittrain». University of Oxford. Consultado em 18 de abril de 2008. Arquivado do original em 19 de abril de 2008 
  11. «Faceoff: Lessig vs. Zittrain». Stanford Law School. Consultado em 28 de abril de 2008 
  12. «Internet Society - Board of Trustees - 2009 BoT Elections:». 5 de maio de 2009. Consultado em 3 de agosto de 2009 
  13. Rebecca Jeschke (11 de fevereiro de 2011). «EFF Appoints Jonathan Zittrain to the Board of Directors». EFF. Consultado em 15 de março de 2011 
  14. [1]
  15. «Chilling Effects». chillingeffects.org. Consultado em 7 de abril de 2011 
  16. J. Urban & L. Quilter, "Efficient Process or 'Chilling Effects'? Takedown Notices Under Section 512 of the Digital Millennium Copyright Act," Santa Clara Computer & High Technology Law Journal (March 2006)
  17. "Will Fair Use Survive? Free Expression in the Age of Copyright Control" (2005). (PDF) Arquivado em 8 de dezembro de 2005, no Wayback Machine. Free Expression Policy Project
  18. Hines, Matthew (30 de janeiro de 2010). «StopBadware Researchers Graduate from Harvard». eWeek Security Watch. Consultado em 13 de janeiro de 2011 
  19. «What We Do». StopBadware. Consultado em 19 de janeiro de 2013 
  20. «About». BadwareBusters.org. Consultado em 13 de janeiro de 2011. Arquivado do original em 1 de janeiro de 2011 
  21. «Supporting Organizations». StopBadware. Consultado em 19 de janeiro de 2013 
  22. Zittrain, Jonathan. «The Future of the Internet and How to Stop It». Yale Books Unbound, Yale University Press. Consultado em 20 de abril de 2008 

Ligações externasEditar

O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Jonathan Zittrain