Abrir menu principal
Merge-arrows 2.svg
Foi proposta a fusão deste artigo ou se(c)ção com Jorge Côrte Real. Se a fusão não for óbvia, por favor crie um espaço de discussão e justifique o motivo aqui; não é necessário criar o espaço em ambas as páginas, crie-o somente uma vez. Em marcações antigas é provável que já haja uma discussão acontecendo na página de discussão de um dos artigos. Verifique ambas (1, 2) e leve toda a discussão quando levar o caso para a central. (desde março de 2019)
Ambox important.svg
Foram assinalados vários aspectos a serem melhorados nesta página ou se(c)ção:
Jorge Côrte Real

Jorge Wicks Côrte Real (Salvador, 9 de maio de 1951) é empresário e político brasileiro. É Engenheiro Civil por formação, Jorge Côrte Real estudou na Universidade Federal de Pernambuco conhecida como UFPE e concluiu sua graduação em 1975. Em 1976, já se pós-graduou em Engenharia de Segurança do Trabalho pela mesma instituição. Atualmente é empresário, líder sindical, engenheiro e presidente do Sistema Fiepe/SESI/SENAI e IEL.

Índice

BiografiaEditar

Jorge Côrte Real nasceu em Salvador, mas se mudou para Recife com pouco mais de um ano de idade. Jorge passou a infância no bairro da Tamarineira, estudou em colégios tradicionais e tinha o futebol como sua grande paixão. É casado com Maria Ângela Tavares de Barros Côrte Real, pai de quatro filhos e tem sete netos.

À frente da empresa familiar A.B Côrte Real & Cia. Ltda. e mais tarde como sócio na Incorporadora Carrilho & Real Empreendimentos Ltda , exerceu papel empresarial que o levou para sindicato da classe patronal – Sinduscon-PE (Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de Pernambuco) em 1987. No sindicato ele foi diretor, 1º tesoureiro, vice-presidente e chegou à presidência, posto que ocupou por duas vezes de 1993-1995 e de 1999-2001.

Em 1995, Jorge Côrte Real assumiu a função de diretor-secretário na Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (Fiepe). Na entidade, em 1998, passou à vice-presidência e chegou ao cargo de presidente em 2004, sendo reeleito por dois mandatos consecutivos até 2016.

Côrte Real dirige a Fiepe - entidade que representa as indústrias instaladas em Pernambuco nos mais diversos setores. O empresário ainda compõe a diretoria da Confederação Nacional da Indústria – CNI, como vice-presidente até 2014. E também está à frente da presidência do Conselho Regional do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial - SENAI/PE, além de ser diretor Regional do Serviço Social da Indústria - SESI/PE e presidente do Conselho Regional do Instituto Euvaldo Lodi – IEL-PE. Tais instituições estão ligadas ao Sistema S (Fiepe).

Em 2003 e 2004, concomitantemente com a presidência da Fiepe, Côrte Real assumiu o comando do conselho do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas - SEBRAE - PE.

A liderança empresarial o fez entrar na política partidária em 2010, quando disputou pela primeira vez uma eleição para deputado federal pelo Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), sendo reeleito em 2014-2018. Eleito com mais de 60 mil votos pelos pernambucanos, Côrte Real faz parte da 54º legislatura da Câmara Federal e atualmente atua como 2º vice-presidente do Diretório Regional do PTB em Pernambuco.

Atividades sindicais e representação empresarialEditar

  • 1987 / 1990 - Diretor 1º Tesoureiro do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de Pernambuco – SINDUSCON-PE
  • 1990 / 1992 - Vice-Presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de Pernambuco – SINDUSCON-PE
  • 1993 / 1995 - Presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de Pernambuco – SINDUSCON-PE
  • 1995 / 1998 - Diretor Secretário da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco – FIEPE
  • 1999 / 2001 - Presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de Pernambuco – SINDUSCON-PE;
  • 2008 / 2012 - 2016 - Presidente Reeleito da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco –FIEPE;

Diplomas, condecorações e prêmiosEditar

  • 2003 – Medalha do Mérito Policial Militar conferido pelo Governador do Estado de Pernambuco
  • 2004 – Diploma do Mérito Cientifico concedido pela Academia Pernambucana de Ciências
  • 2004 – Diploma da Ordem do Mérito Consular no Grau de Comendador
  • 2007 – Diploma de Honra ao Mérito concedido pelo Presidente do Poder Judiciário do Estado de Pernambuco
  • 2007 – Medalha “Embaixador Sergio Vieira de Mello” concedida pelo Parlamento Mundial para Segurança e Paz
  • 2009 – Diploma do Mérito “Manoel Antonio de Moraes Rego” concedido pelo Clube de Engenharia de Pernambuco
  • 2009 – Prêmio Orgulho de Pernambuco – entregue as instituições que mais se destacaram durante o ano - concedido pelo Diário de Pernambuco
  • 2009 – Prêmio Josias Inojosa de Empreendedorismo – Pela participação expressiva no Desenvolvimento Industrial do Pólo Gesseiro do Araripe – concedido pela Autarquia Educacional de Araripe - AEDA, SINDUSGESSO e Diário de Pernambuco
  • 2010 - Diploma – pelos relevantes serviços prestados a sociedade e ao Estado de PE – concedido pela Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra – ADESG
  • 2010 – Diploma Medalha Heróis de Casa Forte – Associação dos Ex-alunos do Centro de Preparação de Oficiais da Reserva do Recife
  • 2014 - Título de Cidadão Vitoriense - Concedido pela Câmara de Vereadores de Vitória de Santo Antão - PE. Proposição de autoria do vereador Edmo Neves.

Cargos que exerceEditar

  • Diretor da Confederação Nacional da Indústria – CNI[1]
  • Presidente da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco – FIEPE – 2008/2012/2016
  • Conselheiro do Serviço de Apoio a Micro e Pequena Empresa de Pernambuco - SEBRAE/PE
  • Conselheiro do Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico e Social de Pernambuco – CEDES/PE.
  • Presidente do Conselho de Integração Nacional da CNI – 2010/2014
  • 2º Vice-Presidente do Diretório Regional do PTB Pernambuco

Atuação na Câmara FederalEditar

Membro titularEditar

- Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público(CTASP);
- Subcomissão permanente de Micro e pequenas empresas (SUBMICRO);
- Grupo de Trabalho da Câmara de Desenvolvimento Econômico e Social (GTDESESO);

SuplênciaEditar

- Comissão de Desenvolvimento Urbano (CDU);
- Representação Brasileira no Parlamento do Mercosul;
- Conselho de Ética e Decoro Parlamentar (COETICA);

ReferênciasEditar

Erro de citação: Elemento <ref> com nome "diretorcni" definido em <references> não é utilizado no texto da página.