Abrir menu principal
José Paulo de Andrade
Nome completo José Paulo de Andrade
Nascimento 18 de maio de 1942 (77 anos)
São Paulo, SP
Nacionalidade brasileiro
Ocupação jornalista

José Paulo de Andrade (São Paulo, 18 de maio de 1942) é um jornalista e bacharel em Direito brasileiro. Participa dos programas de rádio O Pulo do Gato e Jornal da Bandeirantes Gente, da Rádio Bandeirantes. É casado e tem dois filhos: Paulo e César.

CarreiraEditar

José Paulo de Andrade começou sua carreira profissional em 1960, aos dezoito anos, como radioescuta do plantão esportivo da Rádio América de São Paulo, aliando sua paixão pelo futebol ao prazer pelo trabalho.[nota 1]

Em 1962, também interessado em uma carreira acadêmica, prestou vestibular para Direito na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. Conseguiu iniciar o curso, mas acabou por interrompê-lo devido ao seu trabalho no rádio, já então intenso. Voltaria depois a estudar, formando-se pela FMU em 1973. Em 1963 transferiu-se para a Rádio Bandeirantes, onde passou a atuar como locutor esportivo, função que exerceria durante quatorze anos. Depois atuou no jornalismo geral, como apresentador e comentarista. Entre os jornalísticos que apresentou, destacam-se Titulares da Noticia, Jornal de São Paulo, Rede Cidade, Band Cidade e Entrevista Coletiva.[2] José Paulo faz aparições também na Rede Bandeirantes de Televisão, principalmente atuando em debates políticos. Na mesma emissora, interpretou Don Diego/Zorro em As Aventuras do Zorro, de 1969.[3]

José Paulo de Andrade também foi o sucessor do radialista Vicente Leporace, morto em abril de 1978, que apresentava o programa O Trabuco. O programa foi substituído naquele ano pelo Jornal Gente (Jornal Bandeirantes Gente),[4] permanecendo por 35 anos no ar com o mesmo trio que lhe deu início, Salomão Ésper, Joelmir Beting e o próprio José Paulo de Andrade. Com a morte de Joelmir em novembro de 2012, assumiu o seu lugar o jornalista Rafael Colombo.[2]

O Pulo do GatoEditar

Considerado o mais importante trabalho da carreira de José Paulo, o programa O Pulo do Gato estreou em 1973 e é apresentado ininterruptamente desde então pelo radialista. O programa jornalístico é o recordista no rádio brasileiro, como tendo o mesmo apresentador e sendo apresentado no mesmo horário. Em 2009, o apresentador foi eleito pela revista Veja SP como uma das pessoas que são "a cara de São Paulo", tendo completado naquele ano 36 anos de programa.[5]

Em fevereiro de 2013, o radialista completou cinquenta anos na Rádio Bandeirantes e em 2 de abril do mesmo ano, O Pulo do Gato completou quarenta anos no ar.[6]

Notas e referências

Notas

  1. Radioescuta, nas emissoras de rádio, era a função de um funcionário iniciante ou estagiário, em que acompanhava através do rádio, os resultados dos jogos internacionais e noticias transmitidas por outras emissoras, eventualmente por ondas curtas e ouvia também estações concorrentes em busca de mais detalhes dos jogos. Essa atividade deixou de ser necessária, com o advento da internet.[1]

Referências

  1. Radioescuta, DXista, Radioamador e Ouvinte de Ondas Curtas
  2. a b «Biografia de José Paulo de Andrade». Museu da TV. Arquivado do original em 31 de maio de 2010 
  3. Fernanda Furquim (24 de junho de 2010). «Zorro, o Musical Estreia em São Paulo». Revista Veja. Consultado em 10 de outubro de 2014. Arquivado do original em 10 de julho de 2010  |wayb= e |arquivodata= redundantes (ajuda); |wayb= e |arquivourl= redundantes (ajuda)
  4. «A estreia do jornal da Bandeirantes Gente». Milton Parron. 2013. Cópia arquivada em 25 de dezembro de 2018 
  5. Paulistanos elegem os lugares e pessoas que são a cara de São Paulo, edição 2097.
  6. «Programa Pulo do Gato completa 40 anos». Band Notícias. 2 de abril de 2013. Cópia arquivada em 25 de dezembro de 2018 
  Este artigo sobre um(a) jornalista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.