José Samuel Lupi

José Samuel Lupi
Nascimento 5 de maio de 1931 (89 anos)
Lisboa
Cidadania Portugal
Ocupação cavaleiro tauromáquico

José Samuel Pereira Lupi (Lisboa, 5 de maio de 1931[1]) é um cavaleiro tauromáquico português.

De uma família de lavradores e ganadeiros, estando entre os seus ascendentes José Maria dos Santos[2], mas também artistas, como Miguel Ângelo Lupi, e o mestre de equitação Samuel Lupi; foi criado na extensa propriedade de Rio Frio[3], próxima do Montijo[4].

Depois de se ter iniciado na aprendizagem da equitação, os cavaleiros João Branco Núncio e D. Francisco Mascarenhas ensinaram a José Samuel Lupi a arte de tourear. Aos 17 anos estreava-se em público na praça Palha Blanco, Vila Franca de Xira, corria o ano de 1947.

Ao mesmo tempo que prosseguia os estudos — viria a licenciar-se em Engenharia Silvícola, pelo Instituto Superior de Agronomia —, José Samuel Lupi foi fazendo o seu percurso como cavaleiro amador, debutando na Monumental do Campo Pequeno, em 1955.

Seria na emblemática praça do Campo Pequeno que viria a receber a alternativa de cavaleiro tauromáquico. Nessa corrida, realizada em 16 de junho de 1963, teve como padrinho João Branco Núncio, e lidou o Verdugo, um touro de Mariana Passanha[5].

A 12 de outubro do mesmo ano apresentou-se na Monumental de Las Ventas, Madrid, por ocasião da Feira de Outubro.

Precisamente em Espanha viria a fundar em 1970, com os irmãos Peralta – Angel e Rafael – e Álvaro Domecq Romero, o célebre quarteto Los Cuatro Jinetes del Apoteosis[6]. Um pouco por toda a Espanha, França e América Latina, nomeadamente na Venezuela e na Colômbia[7], os Quatro Ginetes lotaram praças e obtiveram muitos êxitos, contribuindo para recuperar o toureio a cavalo do apagamento que sofrera com a popularidade do toureio a pé, impondo-o como cartel principal nas principais feiras taurinas, fora de Portugal.

A 8 de maio de 2008 voltou ao Campo Pequeno para conceder a alternativa ao seu filho Manuel Lupi[8].

Integrou o Grupo de Forcados Amadores de Santarém na década de 50[9].

A par da sua carreira artística, José Samuel Lupi foi agricultor e criador de gado, assumindo a direção da Sociedade Agrícola de Rio Frio, em cujas propriedades se dedicou à criação de reses bravas para o toureio e à atividade coudélica, criando cavalos para o toureio e a equitação[10].

Referências

  1. «José Samuel Lupi. 80 Anos!». GFA Santarém. Consultado em 29 de outubro de 2014 
  2. «Os Lupi e a Tauromaquia». Os Lupi de Portugal. Consultado em 11 de novembro de 2014. Arquivado do original em 9 de novembro de 2014 
  3. Um dia com... José Samuel Lupi - Arquivos RTP
  4. Rio Frio - Solares de Portugal
  5. «José Samuel Lupi. 80 Anos!». GFA Santarém. Consultado em 29 de outubro de 2014 
  6. «José Samuel Pereira Lupi». Os Lupi de Portugal. Consultado em 11 de novembro de 2014. Arquivado do original em 9 de novembro de 2014 
  7. «José Samuel Lupi. 80 Anos!». GFA Santarém. Consultado em 29 de outubro de 2014 
  8. «Alternativa de Manuel Lupi». Os Lupi de Portugal. Consultado em 11 de novembro de 2014. Arquivado do original em 9 de novembro de 2014 
  9. «José Samuel Lupi. 80 Anos!». GFA Santarém. Consultado em 29 de outubro de 2014 
  10. Um dia com... José Samuel Lupi - Arquivos RTP