Lúcio Horácio Barbato

Lúcio Horácio Barbato (em latim: Lucius Horatius Barbatus) foi um político da gente Horácia nos primeiros anos da República Romana eleito tribuno consular em 425 a.C..

Lúcio Horácio Barbato
Tribuno consular da República Romana
Tribunato 425 a.C.

Porém, Diodoro Sículo não menciona seu nome, o que leva os historiadores a pensarem se não houve três e não quatro tribunos consulares em 425 a.C. e que talvez seu não não seja autêntico[1].

Tribuno consular (425 a.C.)Editar

Em 425 a.C., Aulo Semprônio foi eleito tribuno consular com Lúcio Quíncio Cincinato, Lúcio Fúrio Medulino e Aulo Semprônio Atratino[2].

Neste ano foi firmada uma trégua de vinte anos com Veios, derrotada no ano anterior por Mamerco Emílio Mamercino à frente das muralhas de Fidenas, e uma outra de três anos com os équos[2].

Ver tambémEditar

Tribuno consular da República Romana
 
Precedido por:
'Tito Quíncio Peno Cincinato III

com Marco Postúmio Albo Regilense
com Caio Fúrio Pácilo Fuso
com Aulo Cornélio Cosso

Lúcio Quíncio Cincinato II
425 a.C.

com Aulo Semprônio Atratino
com Lúcio Fúrio Medulino II
com Lúcio Horácio Barbato

Sucedido por:
'Ápio Cláudio Crasso

com Lúcio Sérgio Fidenato II,
com Espúrio Náucio Rutilo
com Sexto Júlio Julo


Referências

  1. Broughton 1951, p. 67.
  2. a b Lívio, Ab Urbe condita, IV, 35.

BibliografiaEditar

  • T. Robert S., Broughton (1951). The Magistrates of the Roman Republic. Volume I, 509 B.C. - 100 B.C. (em inglês). I, número XV. Nova Iorque: The American Philological Association. 578 páginas