Lúcio Livineio Régulo

Lúcio Livineio Régulo (em latim: Lucius Livineius Regulus) foi um senador romano nomeado cônsul sufecto em abril de 18 no lugar de Germânico[1]. Provavelmente era um homem novo.

Lúcio Livineio Régulo
Cônsul do Império Romano
Consulado 18 d.C.

Nome e carreiraEditar

Não se conhece com certeza seu prenome, mas muitos historiadores, como Ronald Syme[1], afirmam que é Lúcio. Foi um dos defensores de Cneu Calpúrnio Pisão durante seu julgamento pela morte de Germânico[2]. Syme também afirma que ele é o mesmo Livineio que foi pretor em 2 cujo cognome era Régulo[3].

Ver tambémEditar

Cônsul do Império Romano
 
Precedido por:
'Lúcio Pompônio Flaco

com Caio Célio Rufo
com Caio Víbio Marso (suf.)
com Lúcio Voluseio Próculo (suf.)

Tibério III
18

com Germânico II
com Lúcio Seio Tuberão (suf.)
com Lúcio Livineio Régulo (suf.)
com Caio Rubélio Blando (suf.)
com Marco Vipstano Galo (suf.)

Sucedido por:
'Marco Júnio Silano Torquato

com Lúcio Norbano Balbo
com Públio Petrônio (suf.)


Referências

  1. a b Syme 1981, p. 189.
  2. Tácito, Anais III, 11.
  3. Syme 1981, p. 191.

BibliografiaEditar