Lady Godiva of Coventry

filme de 1955 dirigido por Arthur Lubin

Lady Godiva of Coventry (bra: O Suplício de Lady Godiva[1]) é um filme estadunidense de 1955, dos gêneros ficção histórica e drama (biográfico e romântico), dirigido por Arthur Lubin para a Universal Studios, baseado na história de Lady Godiva.

Lady Godiva of Coventry
No Brasil O Suplício de Lady Godiva
Estados Unidos
1955 •  cor •  89 min 
Direção Arthur Lubin
Roteiro Oscar Brodney
Elenco Maureen O'Hara
George Nader
Género drama
história
romance
biográfico
Idioma inglês

ElencoEditar

SinopseEditar

Na Inglaterra do século XI, durante o reinado de Eduardo, o Confessor, a saxã e filha do xerife de Coventry Godiva conhece o nobre senhor feudal Leofric, igualmente saxão, que estava no calabouço ao se recusar a casar com uma normanda, contrariando uma ordem do rei. Godiva ia ao calabouço ajudar a três prisioneiros beberrões e briguentos que ela conhecia desde criança e que se consideravam seus protetores. Leofric e Godiva se apaixonam e se casam e o nobre se livra do casamento arranjado. O rei quer desarmar os senhores feudais para que não haja guerra entre eles e isso agrada o Conde Eustace, conspirador da causa normanda que deseja colocar no poder Guilherme, Duque da Normandia. Leofric a princípio se nega por causa da rivalidade com outro conde, mas Godiva o convence a selar um acordo com o rival. No final, Godiva aceita ser punida pela lei antiga e cavalga nua para mostrar que o povo saxão está unido e não aceita o domínio normando.


Referências

  1. «O Suplício de Lady Godiva». Brasil: CinePlayers. Consultado em 15 de novembro de 2018 
  Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço relacionado ao Projeto Entretenimento. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.