Leopold Kronecker

professor académico alemão

Leopold Kronecker (Legnica, 7 de dezembro de 1823Berlim, 29 de dezembro de 1891) foi um matemático alemão.

Leopold Kronecker
Delta de Kronecker, Teorema de Kronecker-Weber
Nascimento 7 de dezembro de 1823
Legnica
Morte 29 de dezembro de 1891 (68 anos)
Berlim
Sepultamento Alter St.-Matthäus-Kirchhof Berlin
Nacionalidade alemão
Cidadania Reino da Prússia
Alma mater
Ocupação matemático, professor universitário,
Prêmios
  • Membro Estrangeiro da Royal Society
Empregador Universidade Humboldt de Berlim
Orientador(es) Johann Encke e Johann Peter Gustav Lejeune Dirichlet[1]
Orientado(s) Karl Färber, Kurt Hensel, Adolf Kneser, Ernst Kötter, Matyáš Lerch, Franz Mertens, Jules Molk, Reinhold Müller, Richard Müller, Ludwig Schlesinger, Paul Stäckel
Instituições Universidade Humboldt de Berlim
Campo(s) matemática
Tese 1845: De unitatibus complexis
Obras destacadas produto de Kronecker, delta de Kronecker

Kronecker estudou em Berlim e obteve um doutorado em 1845, com uma tese sobre teoria dos números. Suas principais contribuições para a matemática foram no campo da álgebra e continuidade de funções.

Com a participação de Karl Weierstrass, Hermann von Helmholtz e Lazarus Fuchs, publicou o Journal für die reine und angewandte Mathematik de August Leopold Crelle. Em 1884, foi eleito membro da Academia Leopoldina.

Uma das suas frases mais famosas é: Deus criou os inteiros; todo o resto é trabalho do homem.

Sepultura de Leopold Kronecker, Alter St.-Matthäus-Kirchhof Berlin

Referências

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um(a) matemático(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.