Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde agosto de 2016). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Luísa de Nassau
Duquesa de Nassau
Duquesa de Saxe-Hildburghausen
Duquesa de Nassau
Período 9 de janeiro de 1816 - 6 de abril de 1825
Antecessor(a) Luísa Isabel de Kirchberg
Sucessor(a) Paulina de Württemberg
 
Cônjuge Guilherme, Duque de Nassau
Descendência Augusta de Nassau
Teresa de Nassau-Weilburg
Adolfo de Luxemburgo
Guilherme de Nassau
Maurício de Nassau
Maria de Nassau
Guilherme de Nassau
Maria de Nassau
Nascimento 28 de janeiro de 1794
  Hildburghausen, Alemanha
Morte 6 de abril de 1825 (31 anos)
  Biebrich, Alemanha
Pai Frederico de Saxe-Altemburgo
Mãe Carlota Jorgina de Mecklemburgo-Strelitz

Luísa de Saxe-Hildburghausen (Carlota Luísa Frederica Amália Alexandrina), (28 de janeiro de 1794 - 6 de abril de 1825) foi um membro da Casa de Saxe-Hildburghausen, que se tornou depois Saxe-Altemburgo. Através do seu casamento com o duque Guilherme de Nassau, Luísa pertencia também à Casa de Nassau-Weilburg.

FamíliaEditar

Luísa era a sétima filha do duque Frederico de Saxe-Hildburghausen e da sua esposa, a duquesa Carlota Jorgina de Mecklemburgo-Strelitz. Uma das suas madrinhas era a sua tia, a duquesa Luísa de Mecklemburgo-Strelitz, rainha-consorte da Prússia. Luísa e a sua irmã Teresa eram consideradas muito bonitas e o poeta Friedrich Rückert dedicou-lhes o poema “Mit drei Moosrosen."

Casamento e descendênciaEditar

Em 1809, o príncipe-herdeiro Luís da Baviera visitou o Castelo de Hildburghausen para escolher uma noiva. Luís tinha como opção Luísa e Teresa e acabou por escolher a última. Luísa casou-se com o duque Guilherme de Nassau, filho mais velho do príncipe Frederico Guilherme de Nassau-Weilburg e da sua esposa, a burgravina Luísa Isabel de Kirchberg, a 24 de Junho de 1814. Para celebrar a ocasião do seu casamento, a Guarda Civil de Weilberg em conjunto com Samuel Luja compuseram a marcha "Cantate am Feste der Heimführung des Erbprinzen Wilhelm von Nassau mit der Prinzessin Louise von Sachsen-Hildburghausen."

O casal teve oito filhos:

  1. Augusta de Nassau (12 de abril de 1814 - 3 de outubro de 1814), morreu com cinco anos de idade.
  2. Teresa de Nassau-Weilburg (17 de abril de 1815 - 8 de dezembro de 1871), casada com o duque Pedro Georgievich de Oldemburgo; com descendência.
  3. Adolfo de Luxemburgo (24 de julho de 1817 – 17 de novembro de 1905), grão-duque de Luxemburgo; casado primeiro com a grã-duquesa Isabel Mikhailovna da Rússia; sem descendência. Casado depois com a princesa Adelaide Maria de Anhalt-Dessau; com descendência.
  4. Guilherme Carlos de Nassau (8 de setembro de 1819 - 22 de abril de 1823), morreu aos três anos de idade.
  5. Maurício de Nassau (21 de novembro de 1820 - 23 de março de 1850), morreu solteiro e sem descendência.
  6. Maria Guilhermina de Nassau (5 de abril de 1822 - 3 de abril de 1824), morreu com dois anos de idade.
  7. Guilherme de Nassau (12 de agosto de 1823 - 28 de dezembro de 1828), morreu com cinco anos de idade.
  8. Maria de Nassau (29 de janeiro de 1825 - 24 de março de 1902), casada com o príncipe Guilherme Carlos de Wied; com descendência.

O casamento foi infeliz. O marido de Luísa não era apenas austero nas suas políticas, também o era com a sua família e maltratava a sua esposa e os filhos.

Luísa morreu em 1825, pouco depois do nascimento da sua filha mais nova, Maria. Após a sua morte, o marido de Luísa voltou a casar-se, desta vez com a sua sobrinha, a princesa Paulina de Württemberg. O Luisenplatz e o Luisenstraße em Wiesbaden receberam o nome em sua honra.

GenealogiaEditar

Referências