Abrir menu principal

Wikipédia β

Márcio Matemático

Disambig grey.svg Nota: Para o profissional da matemática, veja Matemático.

Márcio José Sabino Pereira, mais conhecido como Márcio Matemático (?, 29/01/1975 - Rio de Janeiro, 11/05/2012), foi um criminoso brasileiro, conhecido por ser traficante de drogas e homicida.[1]

Foi considerado um dos bandidos mais perigosos do Rio de Janeiro até sua morte, em 2012.[2]

BiografiaEditar

Membro da facção criminosa Terceiro Comando e posteriormente de sua dissidência, o Terceiro Comando Puro, Márcio Matemático era um dos principais acessores do traficante Robinho Pinga[3], morto em 2007. Após a morte deste, "herdou" o controle dos pontos de venda de droga.[1]

Preso, foi liberto após receber o benefício do regime semi-aberto em 2009, nunca mais retornando à prisão.[1] Finalmente, após intensa caçada policial, após trocar tiros com policiais que o perseguiam num helicóptero, foi encontrado morto em um carro, horas após o cerco a seu reduto, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.[2]

Ao morrer, Matemático era considerado um dos traficantes mais antigos da cidade, o que o fazia ser respeitado na hierarquia do crime. [4]

Referências