Abrir menu principal

Monica Hickmann Alves (Porto Alegre, 21 de abril de 1987) é uma futebolista profissional brasileira que atua como zagueira.[1] É atleta da Seleção Brasileira de Futebol Feminino e atualmente está sem clube, após rescindir em comum acordo com o Corinthians.[2]

Mônica Hickmann Alves
Mônica Hickmann Alves
Mônica defendendo a Seleção Brasileira na semifinal olímpica
contra a Suécia, no Maracanã, em 16/8/2016
Informações pessoais
Nome completo Mônica Hickmann Alves
Data de nasc. 21 de abril de 1987 (32 anos)
Local de nasc. Porto Alegre (RS), Brasil
Informações profissionais
Clube atual Sem clube
Posição Zagueira
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2002 - 2004

2004 - 2006

2007 - 2012

2013

2013

2013 - 2014

2015

2016 - 2018

2016

2017 - 2018

2019

Brasil Internacional

Brasil Marília

Áustria SV Neulengbach

Brasil Foz Cataratas

Áustria SV Neulengbach

Brasil Ferroviária

Brasil Flamengo

Estados Unidos Orlando Pride

Austrália Adelaide United (empréstimo)

Espanha Atlético de Madrid (empréstimo)

Brasil Corinthians

Seleção nacional
2006 (1ª convocação)

2009 (2ª convocação)

2014 (retorno à Seleção)

Flag of Brazil.svg Brasil

Flag of Brazil.svg Brasil

Flag of Brazil.svg Brasil

Medalhas
Sul-Americano Sub-20
Ouro Chile 2006 Equipe
Copa do Mundo Sub-20
Bronze Rússia 2006 Equipe
Jogos Pan-Americanos
Ouro Toronto 2015 Equipe
Copa América Feminina
Ouro Equador 2014 Equipe
Ouro Chile 2018 Equipe
Torneio Internacional de Brasília
Ouro Brasília 2014 Equipe
Torneio Internacional de Natal
Ouro Natal 2015 Equipe
Torneio Internacional de Manaus
Ouro Manaus 2016 Equipe

Em dezembro de 2015, Monica foi a primeira jogadora brasileira a atuar pelo Orlando Pride dos Estados Unidos,[3] clube no qual a atacante Marta joga atualmente, e também foi a primeira brasileira no Adelaide United da Austrália.

CarreiraEditar

Seleção Brasileira

Monica faz parte do atual elenco da Seleção Brasileira de Futebol Feminino.

Em 2004, a zagueira fez parte do primeiro elenco existente da Seleção Sub-20 Feminina, quando tinha apenas 17 anos. Disputou o Sul-Americano da categoria, no Chile em 2006, e foi campeã. Também participou do Mundial da Rússia e foi bronze.

A primeira convocação para a Principal ocorreu em 2006, pelo então treinador Jorge Barcellos. Em 2009, foi chamada pela segunda vez, pelo técnico Kleiton Lima.

Alguns anos depois, em 2014, voltou a servir o Brasil, dessa vez sob o comando do técnico Vadão, e esteve presente na lista desde então. Fez a reestreia com a Amarelinha no dia 11 de junho do mesmo ano, contra a França.

Participou da Copa América Feminina de 2014, disputada no Equador, ao qual a Seleção Brasileira conquistou o sexto título na competição.

Esteve em campo nas Olimpíadas de 2016, e, inclusive, marcou o primeiro gol do Brasil nos Jogos Olímpicos, na partida inaugural contra a China, em vitória por 3 a 0. [4]

Na Copa América Feminina de 2018, quando o Brasil tornou-se heptacampeão, Mônica marcou quatro gols (1 contra a Venezuela, 1 contra o Chile e 2 contra a Colômbia).

Orlando Pride (EUA)[5]

Monica fez história ao se tornar a primeira brasileira a jogar pelo Orlando Pride, quando assinou o contrato com o clube americano no dia 8 de dezembro de 2015.

Na temporada de 2016, a zagueira disputou 16 partidas, com 1376 minutos jogados.

Em 2017, Monica participou de 19 jogos pelo Orlando Pride, totalizando 1284 minutos em campo.

Já em 2018, a dona da camisa 21 jogou 17 partidas pelo clube, totalizando 1400 minutos nos gramados.

Ao longo do período de contrato com o Orlando Pride, Monica foi emprestada ao Adelaide United e Atlético de Madrid.

Adelaide United (Austrália)[6]

Em 2016, foi emprestada ao Adelaide United e também ficou marcada como a primeira brasileira a defender uma equipe australiana.

Atlético de Madrid (Espanha)[7]

Em 2017, foi contratada pelo Atlético de Madrid como reforço ao elenco. Neste atuou com mais duas brasileiras: Ludmila da Silva e Jucinara Soares.

Corinthians[8]

No dia 23 de abril de 2019, dia de São Jorge, a zagueira Mônica anunciou contrato com o clube paulista.

TítulosEditar

Referências

  1. «Mônica Alves :: Mônica Hickmann Alves :: Corinthians». www.ogol.com.br (em bretão). Consultado em 21 de agosto de 2019 
  2. «Mônica, zagueira da Seleção, rescinde contrato com o Corinthians». Terra. Consultado em 21 de agosto de 2019 
  3. «Mônica Alves é primeira jogadora brasileira do Orlando Pride». Nossa Gente: o portal de notícias dos brasileiros nos EUA. (em inglês). 8 de dezembro de 2015. Consultado em 28 de junho de 2019 
  4. «Perfil na Soccerway». Consultado em 13 de fevereiro de 2016 
  5. «Ficha técnica: Mônica, zagueira, Orlando Pride». Confederação Brasileira de Futebol. Consultado em 1 de junho de 2019 
  6. «Reds' Women unveil Mônica Hickmann Alves». Adelaide United (em inglês). Consultado em 1 de junho de 2019 
  7. «Club Atlético de Madrid · Web oficial - Mónica Hickmann ya es rojiblanca». www.atleticodemadrid.com. Consultado em 1 de junho de 2019 
  8. «Zagueira da Seleção Brasileira, Mônica assina com o Corinthians». ESPN.com. 25 de abril de 2019. Consultado em 1 de junho de 2019 

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Monica Hickmann Alves