Abrir menu principal
Manuel Carlos de Abreu e Meneses
Nascimento 13 de dezembro de 1774
Viana do Castelo
Morte 1805 (31 anos)
Sepultamento Vila Bela da Santíssima Trindade
Cidadania Portugal
Ocupação administrador colonial

Manuel Carlos de Abreu e Meneses ou Manoel Carlos de Abreu e Menezes (Viana do Castelo, 13 de dezembro de 1774[1] - Mato Grosso, 1805) e bacharel formado em Leis (1793-94),[2] foi um capitão-general que governou a capitania de Mato Grosso.

BiografiaEditar

Foi nomeado, para assumir a referida capitania, por Carta Régia de 2 de Agosto de 1802,[3] o qual sucedeu no Governo de sucessão que existia pela ausência de Caetano Pinto de Miranda Montenegro.[4]

Em 20 de Março de 1804, terá chegado pela primeira vez à vila de Cuiabá.[5]

Já tendo assumido o governo adoentado, faleceu em 1805 no poder, sendo sepultado em Vila Bela da Santíssima Trindade.[6]

Pouco mais tarde, em Junho de 1806, o seu irmão Francisco de Abreu Pereira de Meneses, desembargador e o provedor das Capelas, terá requerido ao príncipe regente D. João, a permissão de ordem para que o governo interino e o provedor dos Defuntos mandassem entregar a herança aos seus procuradores para pagamento dos credores.[7]

Seriam ambos filhos de Francisco de Abreu Pereira, senhor de Lindoso e do Paço de Lanheses, e de Maria Vitória de Menezes Bacelar, filha de Manuel Carlos Bacelar Pereira Malheiro.[8]

Referências

  1. Genealogia do Arquivo Almada
  2. O Chanceler José Ricalde Pereira de Castro (dados genealógicos), pelo Dr. Francisco Cirne de Castro Boletim da Academia Portuguesa de Ex-Libris, nº 48, Abril de 1969
  3. «ABREU e MENEZES (Manoel Carlos), portal de Mato Grosso». Consultado em 6 de janeiro de 2017. Arquivado do original em 7 de janeiro de 2017 
  4. Ricardo Franco de Almeida Serra (Parte III), por Hiram Reis e Silva, 13 de setembro de 2016, Bagé, RS, retirado de: “Compêndio Histórico Cronológico das Notícias de Cuiabá, Repartição da Capitania de Mato Grosso desde o Princípio do ano de 1778 até o fim do Ano de 1817”, por Joaquim da Costa Siqueira
  5. Ricardo Franco de Almeida Serra (Parte III), por Hiram Reis e Silva, 13 de setembro de 2016, Bagé, RS, retirado de: “Compêndio Histórico Cronológico das Notícias de Cuiabá, Repartição da Capitania de Mato Grosso desde o Princípio do ano de 1778 até o fim do Ano de 1817”, por Joaquim da Costa Siqueira
  6. «ABREU e MENEZES (Manoel Carlos), portal de Mato Grosso». Consultado em 6 de janeiro de 2017. Arquivado do original em 7 de janeiro de 2017 
  7. «REQUERIMENTO de Francisco de Abreu Pereira de Meneses, irmão do ex-governador e capitão general da capitania de Mato Grosso, Manoel Carlos de Abreu de Meneses, ao príncipe regente D. João em que pede ordem para que o governo interino e o provedor dos Defuntos mandem entregar a herança aos seus procuradores para pagamento dos credores.Anexo: 2 docCT-AHU-ACL-CU-010, CX 43, DOC 2147». Consultado em 6 de janeiro de 2017. Arquivado do original em 7 de janeiro de 2017 
  8. Francisco de Abreu Pereira, senhor de Lindoso, retirado de Nobiliário das Famílias de Portugal - vol. II - pg. 271 ((Barbosas))

Ligações externasEditar