Abrir menu principal
Mario Revollo Bravo
Cardeal da Igreja Católica
Arcebispo-emérito de Bogotá
Atividade Eclesiástica
Diocese Arquidiocese de Bogotá
Nomeação 25 de junho de 1984
Predecessor Dom Aníbal Cardeal Muñoz Duque
Sucessor Dom Pedro Cardeal Rubiano Sáenz
Mandato 1984 - 1994
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 31 de outubro de 1943
por Dom Luigi Traglia
Nomeação episcopal 13 de novembro de 1973
Ordenação episcopal 2 de dezembro de 1973
por Dom Aníbal Cardeal Muñoz Duque
Nomeado arcebispo 28 de fevereiro de 1978
Cardinalato
Criação 28 de junho de 1988
por Papa João Paulo II
Ordem Cardeal-presbítero
Título São Bartolomeu na Ilha Tiberina
Brasão
Coat of arms of Mario Revollo Bravo.svg
Lema Vis pacis
Dados pessoais
Nascimento Gênova, Itália
19 de setembro de 1919
Morte Bogotá, Colômbia
3 de novembro de 1995 (76 anos)
Nacionalidade Italiano
colombiano
dados em catholic-hierarchy.org
Cardeais
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Mario Revollo Bravo (19 de setembro de 1919 - 3 de novembro de 1995) foi cardeal e arcebispo de Bogotá na Igreja Católica Romana

BiografiaEditar

Nascido em Gênova , Itália , onde seu pai era cônsul colombiano naquela cidade. Ele era o terceiro dos seis filhos. Foi ordenado em 31 de outubro de 1943 em Roma pelo cardeal Luigi Traglia . O papa Paulo VI nomeou-o bispo auxiliar de Bogotá em 13 de novembro de 1973. Ele foi eleito presidente da Conferência Episcopal da Colômbia em 1978, ocupando esse cargo até 1984. Ele foi transferido para a sede metropolitana de Bogotá pelo papa João Paulo II em 25 de junho de 1984.

O papa João Paulo II proclamou o Cardeal-Sacerdote Revollo Bravo de S. Bartolomeo all'Isola no consistório de 1988. Ele se aposentou como Arcebispo em 1994. Ele morreu em 1995.

External linksEditar