Abrir menu principal

A Medalha Priestley (em inglês: Priestley Medal) é a mais significativa condecoração conferida pela American Chemical Society (ACS).[1] Estabelecida em 1922, a condecoração homenageia Joseph Priestley, o descobridor do oxigênio.

A medalha foi inicialmente concedida a cada três anos, e a partir de 1944 anualmente.

Agraciados[2]Editar

Referências

  1. «The Priestley Medalists, 1923-2008» American Chemical Society
  2. «Priestley Medal / Recipient» (em inglês). American Chemical Society. Consultado em 12 de outubro de 2016. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2016 
  3. Halford, Bethany (10 de junho de 2013). «Stephen Lippard Named Priestley Medalist». Chemical & Engineering News. American Chemical Society. Consultado em 10 de junho de 2013 
  4. Wilson, Elizabeth K. (10 de junho de 2014). «Jacqueline Barton Named Priestley Medalist». Chemical & Engineering News. American Chemical Society. Consultado em 12 de junho de 2013 
  5. «2016 National Award Recipients - American Chemical Society». acs.org (em inglês). 15 de março de 2016. Consultado em 27 de setembro de 2015 
  6. «Tobin Marks wins Priestley Medal» (em inglês). Consultado em 19 de abril de 2017 
  7. Bethany Halford (20 de junho de 2018). «K. Barry Sharpless named 2019 Priestley Medalist». cen.acs.org (em inglês). Consultado em 21 de novembro de 2019 
  8. Celia Arnaud (18 de junho de 2019). «JoAnne Stubbe named 2020 Priestley Medalist». cen.acs.org (em inglês). Consultado em 21 de novembro de 2019 

Ligações externasEditar